O campo dos estudos sobre o trabalho nos canaviais brasileiros

um olhar sobre as primeiras décadas do século XXI

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT185270803

Palavras-chave:

trabalho, campo científico, cana-de-açúcar, estudos bibliométricos

Resumo

Por sua longevidade e importância na agricultura nacional, o trabalho canavieiro desperta o interesse de várias áreas do conhecimento. Com base nisso, o objetivo deste artigo é compreender o campo de estudos que se forma para analisar o fenômeno do trabalho na produção da cana-de-açúcar. Dentre os mecanismos comumente utilizados para compreender um campo de estudos, destacam-se os ferramentais bibliométricos e cienciométricos. Para utilizar tais ferramentais, foi realizado um levantamento da produção acadêmica disposta no Portal Periódicos CAPES referente a tal temática. Após a coleta e os ajustes necessários, foram encontrados 233 artigos. Os resultados mostram que a produção foi mais intensa entre os anos de 2009 e 2021. Destaca-se que as áreas Ciências Humanas, Ciências da Saúde e Ciências Sociais Aplicadas foram as áreas do conhecimento que mais tiveram representatividade tantos no quesito autores, quanto nos periódicos em que tais estudos foram publicados. A comunidade cientifica que forma esse campo de estudo se apresenta de forma dispersa e, em sua maioria, os trabalhos são individuais. Por fim, os principais temas debatidos foram: saúde e segurança do trabalho, migração, mecanização e superexploração.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

22-12-2023

Como Citar

LIMA, J. R. T.; COELHO, R. P. de S.; ARAÚJO, A. H. dos S. O campo dos estudos sobre o trabalho nos canaviais brasileiros: um olhar sobre as primeiras décadas do século XXI. Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 18, n. 52, p. 72–96, 2023. DOI: 10.14393/RCT185270803. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/70803. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos