A ESCARIFICAÇÃO DO SOLO EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO AFETA A ESTABILIDADE DE AGREGADOS E O TEOR DE MATÉRIA ORGÂNICA EM LATOSSOLO VERMELHO

Autores

  • Paulo Angelo Fachin Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO.
  • Edivaldo Lopes Thomaz Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO.

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG217748579

Palavras-chave:

Qualidade física, Manejo, Solo

Resumo

A escarificação do solo em Sistema de Plantio Direto (SPD) é uma alternativa para rompimento de camadas compactadas que impedem o desenvolvimento radicular das plantas, a aeração e a circulação de água no solo no decorrer dos anos de manejo. A escarificação acarreta impactos na qualidade do solo, podendo a longo prazo causar efeitos negativos, como redução do estoque de carbono, e/ou positivos, como aumento da infiltração de água. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da escarificação na estabilidade dos agregados e nos teores de matéria orgânica do solo em diferentes anos de manejo pós escarificação. Para isto se utilizou de uma área experimental na mesma encosta com latossolo vermelho em diferentes tratamentos: floresta nativa; SPDs (sem escarificação); SPD1 (1 ano pós escarificação); SPD3 (3 anos pós escarificação) e SPD4 (4 anos pós escarificação). Os resultados mostraram que o índice de estabilidade de agregados aumentou nos anos posteriores a escarificação e os teores de matéria orgânica reduziram, que sugerem efeitos extrínsecos no aumento da estabilidade de agregados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

01-10-2020

Como Citar

Fachin, P. A., & Thomaz, E. L. . (2020). A ESCARIFICAÇÃO DO SOLO EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO AFETA A ESTABILIDADE DE AGREGADOS E O TEOR DE MATÉRIA ORGÂNICA EM LATOSSOLO VERMELHO . Caminhos De Geografia, 21(77), 18–28. https://doi.org/10.14393/RCG217748579

Edição

Seção

Artigos