EFICÃ?CIA DA SOLUÇÃO SALINA 7% NA INVIABILIZAÇÃO DE CISTICERCOS

Autores

  • BRAGA, J.S. Acadêmico. FAMEV - UFU
  • BORGES, T.D. Acadêmico. FAMEV - UFU
  • ALMEIDA, L.P FAMEV - UFU
  • MOREIRA, M.D. FAMEV - UFU

Palavras-chave:

Cisticercose, zoonose, saúde pública, solução salina.

Resumo

Este estudo teve como objetivo avaliar a eficácia da utilização de solução salina 7% por um período de 24 horas na inviabilização de cisticercos, visando contribuir para o controle e prevenção da cisticercose. Este estudo foi realizado em um frigorífico do município de Uberlândia-MG, com inspeção federal, e no Laboratório de Tecnologia de Carnes da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Uberlândia-MG. Foram testados 308 cisticercos e 10 foram utilizados como controle. Os cistos eram localizados e feitos cortes de 5 cm na porção de carne que os envolvia e colocados em solução salina 7% por um período de 24 horas. Após os cistos foram retirados dos fragmentos de carne e colocados em bile bovina, permanecendo por 60 minutos e depois levados ao microscópio e classificados como cistos viáveis ou inviáveis. Dos 308 cisticercos testados 100% foram inviabilizados, enquanto os cisticercos controles mostraram-se viáveis. Em função da observação de que 100% dos cisticercos testados foram inviabilizados quando submetidos à solução salina 7% por um período de 24 horas é possível concluir, nas condições metodológicas em que o trabalho foi realizado, que a solução testada é eficaz no tratamento de carnes contendo cisticercos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-02-12

Como Citar

J.S., B., T.D., B., L.P, A., & M.D., M. (2008). EFICÃ?CIA DA SOLUÇÃO SALINA 7% NA INVIABILIZAÇÃO DE CISTICERCOS. Veterinária Notícias, 12(2). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/vetnot/article/view/18730

Edição

Seção

Artigos