Gênero e meio ambiente em estudo de revisão da pesquisa social sobre desigualdade socio-ambiental no Brasil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT153708

Resumo

O debate sobre gênero e meio ambiente é uma das premissas do Desenvolvimento Sustentável para alcançar a redução da desigualdade social. Portanto, o presente estudo se propõe a revisar a literatura em busca de estudos sobre gênero e meio ambiente, com impactos nos direitos sociais de mulheres. Os dados foram obtidos através de abordagem metodológica teórico-conceitual, com revisão da literatura dos últimos 10 anos focados em pesquisa social de natureza qualitativa. A análise e interpretação dos dados se deram a partir da busca de categorias expressivas dos artigos. Os resultados demonstraram que a historicidade marcada pelo patriarcado e sistema político econômico capitalista têm reforçado os padrões de desigualdade entre os gêneros. Natureza como fonte inesgotável de recursos, meio de vida e subsistência. Em conclusão, apesar da importância dos estudos qualitativos em registrar a diversidade no cotidiano feminino, são necessários estudos de intervenção para instrumentalizar a autonomia e emancipação de mulheres no campo, para assegurar o acesso ao meio ambiente sob a perspectiva do desenvolvimento sustentável.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Talita Mortale, Universidade Federal de São Paulo

Bióloga. Mestrado em Análise Ambiental Integrada/PPAAI da Universidade Federal de São Paulo/UNIFESP - Diadema/SP.

Sueli Moreira, Universidade Federal do Rio Grande do Norte/UFRN

Pós-doutoranda do Programa de Pós Graduação em Análise Ambiental Integrada PPAAI, Universidade Federal de São Paulo, Diadema, SP.

Zysman Neiman, Universidade Federal de São Paulo/UNIFESP

Docente do Programa de Pós Graduação em Análise Ambiental Integrada PPAAI, Diadema, SP.

Downloads

Publicado

20-10-2020

Como Citar

MORTALE, T.; MOREIRA, S.; NEIMAN, Z. Gênero e meio ambiente em estudo de revisão da pesquisa social sobre desigualdade socio-ambiental no Brasil. Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 15, n. 37 Ago., p. 169–196, 2020. DOI: 10.14393/RCT153708. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/51060. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos