A dinâmica territorial do agronegócio canavieiro e o zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar: notas para um debate

Autores

  • Marcos Antonio de Souza Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT51011965

Palavras-chave:

agronegócio sucroalcooleiro, zoneamento agroecológico, renda da terra, impactos socioambientais, disputas territoriais.

Resumo

Partindo-se da premissa de que a crescente expansão do agronegócio sucroalcooleiro após a década de 1970 provocou uma série de impactos socioambientais no espaço agrário brasileiro, a perspectiva de uma expansão ainda maior pela atual conjuntura nacional e internacional aponta para um proporcional intensificação desses impactos. Assim, na medida em que o agronegócio canavieiro se expande pelo país, ocorreria um aumento proporcional da concentração fundiária, das disputas territoriais com a produção agroalimentária, além da superexploração da força de trabalho empregada nos canaviais. Portanto, o governo brasileiro engendrou em 2009 o Zoneamento Agroecológico da Cana-de-Açúcar, cujo objetivo seria ordenar a produção canavieira no território brasileiro, de modo a se converter em um instrumento capaz de demonstrar a opinião pública nacional e internacional a pretensa sustentabilidade do agronegócio sucroalcooleiro nacional. Nesse contexto, o objetivo deste artigo é analisar o zoneamento implementado pelo governo federal sob a ótica da lógica de localização geográfica do agronegócio sucroalcooleiro, orientada pelo auferimento da renda da terra, demonstrando que esta política de ordenamento territorial não conseguirá mitigar os impactos socioambientais inerentes a produção desses agrocombustível sob os moldes do agronegócio.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Antonio de Souza, Universidade Estadual de Londrina

Graduado em Geografia (Licenciatura- 2007, e Bacharelado - 2008) pela Universidade Estadual de Londrina, atualmente é aluno do Programa de mestrado em Geografia "Dinamica Espaço Ambiental" da UEL, onde pesquisa os impactos da territorialização do agronegócio sucroalcooleiro no norte do Paraná.

Downloads

Publicado

08-09-2010

Como Citar

SOUZA, M. A. de. A dinâmica territorial do agronegócio canavieiro e o zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar: notas para um debate . Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 5, n. 10 Ago., p. 148–167, 2010. DOI: 10.14393/RCT51011965. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/11965. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos