PESQUISA COMO PARADIGMA INOVADOR PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE GEOGRAFIA E PARA O ENSINO

Autores

  • Josias Ivanildo Flores de Carvalho Universidade Federal de Pernambuco
  • Francisco Kennedy Silva dos Santos Universidade Federal de Pernambuco
  • Laryssa de Aragão Sousa Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG249263548

Palavras-chave:

Pesquisa, Paradigma, Formação Inicial de Professores de Geografia, Ensino de Geografia

Resumo

Desafios são colocados diariamente para a formação de professores de Geografia com qualidade, porém, os departamentos de Geografia espalhados por todo o território brasileiro podem buscar no paradigma da pesquisa o apoio que tanto desejam para inovar a formação dos professores de Geografia para atuação na Educação Básica. O presente artigo tem como objetivo central compreender o papel do paradigma da pesquisa na formação inicial de professores de Geografia para a Educação Básica e para o ensino. A abordagem empregada nessa pesquisa é a qualitativa, do tipo ex-post-facto. Diante da análise e da avaliação realizada por meio das respostas obtidas pelo questionário aplicado junto a 16 egressos da área de Geografia, do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID/Subprojeto-Interdisciplinar, do Campus Mata Norte, da Universidade de Pernabuco - UPE, concluímos que a adoção do paradigma da pesquisa na formação inicial de professores de Geografia, por meio da participação em experiências que levem em consideração o referido paradigma, poderá contribuir no melhoramento dos mecanismos de formação de professores e possibilitar um ensino de Geografia mais significativo, tanto nas escolas como nas instituições superiores de formação de professores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Josias Ivanildo Flores de Carvalho, Universidade Federal de Pernambuco

Mestrando pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia - PPGEO, Universidade Federal de Pernambuco - UFPE. Bolsista de Mestrado pelo CNPq. 

 

 

Francisco Kennedy Silva dos Santos, Universidade Federal de Pernambuco

Pós-doutorado pela Université du Québec à Montréal - Canadá. Doutor em Educação pela Universidade Federal do Ceará - UFC. Mestre e Licenciado em Geografia pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPQ - Nível 2. Avaliador do BASis/MEC. Coordenador Geral da UAB.UFPE. Líder do Grupo de Pesquisa Educação Geográfica, Cultura Escolar e Inovação (GPECI/CNPQ/UFPE) e pesquisador do Grupo de Pesquisa Saber e Prática Social do Educador (da UFC/ Faculdade de Educação). Membro e Pesquisador da Rede Interregional sobre Docência na Educação Superior (RIDES). Pesquisador colaborador do Centre de Recherche Interuniversitaire sur la Formation et la Profession Enseignante (CRIFPE) da Universidade de Montréal, Canadá. Atua principalmente nos temas: Tecnologias Digitais e Ensino; Educação a Distância (EAD); Pedagogia e Docência Universitária; Formação de Professores; Inovação Pedagógica e Cultura Escolar; Didática e Metodologias Ativas; Métodos e Técnicas de Pesquisa; Epistemologia Científica com ênfase na Ciência Geográfica.

Laryssa de Aragão Sousa, Universidade Federal de Pernambuco

Mestra em Geografia (2018-2021) pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia - PPGEO; na área de concentração: Regionalização e Análise Regional - tendo suas pesquisas vinculadas à linha de pesquisa: Educação Geográfica, cultura, política e inovação na produção contemporânea do espaço e, Graduação em Licenciatura em Geografia (2014-2018) pelo Departamento de Ciências Geográficas - DCG, ambos do Centro de Filosofia e Ciências Humanas - CFCH da Universidade Federal de Pernambuco - UFPE. Colaboradora no Grupo de Pesquisa Educação, Cultura Escolar e Inovação (GPECI) e no Laboratório de Ensino de Geografia e Profissionalização Docente (LEGEP). Tem experiência em Geografia na Área de Geografia com ênfase em Ensino de Geografia e Educação Geográfica, com atuação especificamente em temas como: Práticas Avaliativas em Geografia, Políticas Educacionais, conteúdos físico-naturais da Geografia, documentos basilares para o Ensino Médio, Avaliação da aprendizagem. Professora do Ensino Fundamental II, da Secretaria Municipal de Educação de Gravatá - PE. 

Downloads

Publicado

04-04-2023

Como Citar

CARVALHO, J. I. F. de; SANTOS, F. K. S. dos; SOUSA, L. de A. PESQUISA COMO PARADIGMA INOVADOR PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE GEOGRAFIA E PARA O ENSINO. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 24, n. 92, p. 247–257, 2023. DOI: 10.14393/RCG249263548. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/63548. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos