CONTAMINAÇÃO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA E DO SOLO POR HIDROCARBONETOS ORIUNDOS DE POSTOS DE SERVIÇOS DE BRASÍLIA, DISTRITO FEDERAL, BRASIL

Autores

  • Fernanda Viana Batista Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás
  • Rosana Gonçalves Barros Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás http://orcid.org/0000-0003-4007-3450
  • Viniciu Fagundes Barbara Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás http://orcid.org/0000-0001-9243-5543

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG228256023

Palavras-chave:

Passivos ambientais, Combustíveis, Gerenciamento de áreas contaminadas, BTEX, PAH

Resumo

A pesquisa objetivou quantificar hidrocarbonetos em terrenos de postos de combustíveis localizados no Cerrado brasileiro, mais especificamente em Brasília, Distrito Federal, mediante a realização de Investigações de Passivo Ambiental Detalhadas. Para tanto, 83 sondagens foram executadas em dez estabelecimentos (P-1 a P-10) visando delimitar plumas de contaminação em fase livre, sorvida e dissolvida. No total, 117 amostras de água subterrânea e 83 de solo foram analisadas para os parâmetros benzeno, tolueno, etilbenzeno e xilenos (BTEX) e hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (PAH). Os resultados demonstraram a inexistência de contaminação ambiental por PAH, contudo, em 80% dos estabelecimentos foram identificados BTEX na água subterrânea e no solo, cujas maiores concentrações foram de 2.653,00 μg.L-1 (B; P-8), 14.744,00 μg.L-1 (T; P-7),  3.820,00 μg.L-1 (E; P-5), 29.650,00 μg.L-1 (X; P-5) para o meio hídrico subsuperficial, e de 1,18 mg.Kg-1 (B; P-5) e 112,76 mg.Kg-1 (X; P-7) para o edáfico. São necessárias ações voltadas à proteção humana e ambiental nos terrenos contaminados, o que deve ser feito com base nas próximas etapas integrantes da Metodologia de Gerenciamento de Áreas Contaminadas (GAC).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Viana Batista, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás

Tecnóloga em Saneamento Ambiental

Graduanda em Engenharia Ambiental e Sanitária

Rosana Gonçalves Barros, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás

Engenheira Agrônoma

Mestre e Doutora em Agronomia

Professora do instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás

Viniciu Fagundes Barbara, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás

Engenheiro Ambiental

Mestre em Engenharia do Meio Ambiente

Doutor em Ciências Ambientais

Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás

Downloads

Publicado

02-08-2021

Como Citar

Batista, F. V., Barros, R. G., & Barbara, V. F. (2021). CONTAMINAÇÃO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA E DO SOLO POR HIDROCARBONETOS ORIUNDOS DE POSTOS DE SERVIÇOS DE BRASÍLIA, DISTRITO FEDERAL, BRASIL. Caminhos De Geografia, 22(82), 256–272. https://doi.org/10.14393/RCG228256023

Edição

Seção

Artigos