A REPRESENTAÇÃO SOCIAL DA CIDADANIA ENTRE JOVENS DE UMA ESCOLA PÚBLICA NO ESTADO DO PARANÁ - BRASIL

Autores

  • João Carlos Batista Morimitsu
  • Marquiana de Freitas Vilas Boas Gomes

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG207246377

Palavras-chave:

Cidadania, Representação social, Geografia.

Resumo

O trabalho aqui apresentado diz respeito a uma investigação sobre as representações sociais de cidadania em um grupo de jovens escolares matriculados em escola pública da rede estadual de ensino do Paraná. O estudo envolveu 51 jovens, entre 13 e 17 anos, os quais responderam individualmente a um questionário com questões abertas e de múltipla escolha. A pergunta central desse questionário – “O que você entende por cidadania?” – gerou respostas que foram ponderadas por meio da análise de conteúdo. O trabalho mostra uma possibilidade de leitura sobre as representações sociais e como elas podem ser utilizadas para a aproximação dos jovens escolares e de seus conhecimentos. Compreende-se que a articulação entre esses dois saberes é de fundamental importância para uma educação significativa aos jovens, permitindo ainda a problematização de fenômenos por vezes naturalizados. Os resultados da pesquisa indicam que há uma representação social de cidadania específica entre os jovens, formuladas a partir da afetividade, ou seja, na relação afetiva que estabelecem na convivência coletiva na cidade, e da funcionalidade da vida em sociedade, o cumprimento de regras e leis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

23-12-2019

Como Citar

MORIMITSU, J. C. B. .; GOMES, M. de F. V. B. A REPRESENTAÇÃO SOCIAL DA CIDADANIA ENTRE JOVENS DE UMA ESCOLA PÚBLICA NO ESTADO DO PARANÁ - BRASIL. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 20, n. 72, p. 375–385, 2019. DOI: 10.14393/RCG207246377. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/46377. Acesso em: 19 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos