UTILIZAÇÃO DO MODELO LINEAR DE MISTURA ESPECTRAL E NDVI PARA AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO DE ÁREA DESMATADA NO MUNICÍPIO DE RIO PARDO DE MINAS/ MG

Autores

  • César Vinícius Mendes Nery Faculdades Santo Agostinho
  • Adriana Aparecida Moreira Faculdades Santo Agostinho
  • Fernando Hiago Souza Fernandes Faculdades Santo Agostinho
  • Letícia Silva Almeida Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
  • Rodrigo Praes Almeida Faculdades Santo Agostinho

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG154923435

Palavras-chave:

Desmatamento, Modis, Modelo Linear de Mistura Espectral, NDVI

Resumo

O avanço da fronteira agrícola para áreas de cerrado e a supressão vegetal para abastecimento da indústria siderúrgica, principalmente em Minas Gerais, tem provocado alterações na paisagem natural neste bioma, com grande perda da biodiversidade. O objetivo deste trabalho consiste no monitoramento do comportamento espectral de uma área desmatada no município de Rio Pardo de Minas ao longo de 15 meses, utilizando dados do sensor MODIS por meio da aplicação do Modelo Linear de Mistura Espectral comparado ao índice de vegetação (NDVI). A metodologia baseou-se na leitura de valores de pixels das imagens-fração do MLME e NDVI das imagens do sensor MODIS durante um intervalo de 15 meses. Na análise dos resultados, pode-se observar que os valores médios de NDVI apresentaram oscilações durante o período analisado em virtude das variações pluviométricas ocorridas e de as características do solo, por possuírem uma considerável influência no espectro de radiação proveniente de dosséis da vegetação esparsa, influenciando no cálculo dos índices de vegetação. Os níveis digitais das imagens-fração; vegetação, solo e sombra apresentaram menores interferências. Pode-se observar ainda, que no final do estudo por meio dos valores de NDVI e ND da imagem fração vegetação a presença de vegetação esparsa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

César Vinícius Mendes Nery, Faculdades Santo Agostinho

Professor M.Sc. das Faculdades Santo Agostinho. Doutorando em Geografia, PUC Minas, Montes Claros - MG

Adriana Aparecida Moreira, Faculdades Santo Agostinho

Graduanda em Engenharia Ambiental nas Faculdades Santo Agostinho, Montes Claros/MG

Fernando Hiago Souza Fernandes, Faculdades Santo Agostinho

Graduando em Engenharia Ambiental nas Faculdades Santo Agostinho, Montes Claros/MG

Letícia Silva Almeida, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Engenheira Ambiental, Mestranda em Produção Vegetal

Rodrigo Praes Almeida, Faculdades Santo Agostinho

Engenheiro Ambiental - Faculdades Santo Agostinho

Downloads

Publicado

28-03-2014

Como Citar

NERY, C. V. M.; MOREIRA, A. A.; FERNANDES, F. H. S.; ALMEIDA, L. S.; ALMEIDA, R. P. UTILIZAÇÃO DO MODELO LINEAR DE MISTURA ESPECTRAL E NDVI PARA AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO DE ÁREA DESMATADA NO MUNICÍPIO DE RIO PARDO DE MINAS/ MG. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 15, n. 49, p. 104–112 , 2014. DOI: 10.14393/RCG154923435. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/23435. Acesso em: 20 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos