CONHECENDO A TRAJETÓRIA DE ORGANIZAÇÃO DOS ATINGIDOS POR BARRAGENS

Autores

  • Atamis Antonio Foschiera UFT- FCT-UNESP

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG113616227

Palavras-chave:

movimentos sociais, Movimento dos Atingidos por Barragens, setor elétrico

Resumo

Este artigo tem como objetivo apresentar a trajetória de organização dos atingidos por barragens frente á política do setor elétrico colocada em prática no Brasil. As informações que dão sustento ao artigo são baseadas em leituras bibliográficas, entrevistas com lideranças e militantes de organizações de atingidos, documentos expedidos pelo Movimento dos Atingidos por Barragens - MAB, documentos expedidos por instituições do Estado ligados à questão, entre outros. Espera-se que ao final da leitura deste artigo, o leitor possa conseguir entender os avanços e dilemas por que passaram e passam as organizações dos atingidos por barragens, em especial o Movimento dos Atingidos por Barragens.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Atamis Antonio Foschiera, UFT- FCT-UNESP

Professor Doutor do curso de Geografia da Universidade Federal do Tocantis - Campus de Porto Nacional

Downloads

Publicado

02-01-2011

Como Citar

FOSCHIERA, A. A. CONHECENDO A TRAJETÓRIA DE ORGANIZAÇÃO DOS ATINGIDOS POR BARRAGENS. Caminhos de Geografia, Uberlândia, MG, v. 11, n. 36, p. 113–128, 2011. DOI: 10.14393/RCG113616227. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/16227. Acesso em: 2 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos