Caracterização morfológica e pedológica de uma depressão (Serra-ES-Brasil) / Morphological and pedologic characterization of a depression (Serra-ES-Brazil)
PDF (Português (Brasil))

Keywords

solos
depressão
Análise Estrutural da Cobertura Pedológica
dissolução geoquímica.

How to Cite

BRICALLI, L. L. Caracterização morfológica e pedológica de uma depressão (Serra-ES-Brasil) / Morphological and pedologic characterization of a depression (Serra-ES-Brazil). Sociedade & Natureza, [S. l.], v. 27, n. 2, 2015. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/sociedadenatureza/article/view/26312. Acesso em: 7 dec. 2022.

Abstract

Este estudo tem como objetivo principal caracterizar a cobertura e morfologia dos solos de uma depressão e levantar hipóteses de sua origem. A base metodológica utilizada foi a Análise Estrutural da Cobertura Pedológica proposta por Boulet (1988) integrando o reconhecimento da cobertura pedológica a partir de 4 (quatro) etapas: i) Levantamento topográfico; ii) Tradagens; iii) elaboração de toposequência e; iv) abertura de trincheira. Com base no reconhecimento da cobertura pedológico realizado e na elaboração de um mapa de formas de relevo da área, a partir de técnicas de fotointerpretação em fotografia aérea, foi possível identificar a existência de pequenas áreas deprimidas alinhadas no fundo da depressão. A toposequência elaborada mostrou que a cobertura pedológica apresenta oito (8) horizontes de solo e um desnível de aproximadamente 9 m do topo da vertente até o início da depressão. O avanço do horizonte gley e a intercalação de áreas deprimidas com áreas mais elevadas, desde a depressão, seguindo a montante na vertente, pode ser indício de uma evolução remontante (de jusante para montante) da depressão. A origem da depressão pode estar relacionada à perda de material por dissolução geoquímica. Foi possível estabelecer 6 (seis) estágios de evolução da depressão.
PDF (Português (Brasil))

Authors hold the Copyright for articles published in this journal, and the journal holds the right for first publication. Because they appear in a public access journal, articles are licensed under Creative Commons Attribution (BY), which permits unrestricted use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...