Epistemologia, Currículo e Formação Continuada de Professores de Ciências

Conteúdo do artigo principal

Paulo Sérgio Araújo da Silva
https://orcid.org/0000-0002-6525-1527

Resumo

Este trabalho trata de investigação desenvolvida durante processo de formação continuada de professores de ciências (das disciplinas Química, Biologia, Física e Ciências da Educação Básica) em uma universidade pública. Consiste em pesquisa narrativa por meio da qual se busca compreender relações entre reflexão epistemológica e formação docente. Procurou-se, particularmente, investigar que tipos de reflexões os sujeitos-professores constroem a partir da introdução de discussões relativas ao processo de produção, validação e apropriação social do conhecimento científico e as relações que estabelecem com suas histórias de atuação e formação pessoal e profissional. A análise do conjunto de materiais produzidos sinaliza que a ação recursiva da memória, estimulada a partir de discussões epistemológicas no presente, potencializou as reflexões docentes em quatro dimensões principais: Ético-política; Curricular, Metodológica e Afetiva, a discussão empreendida neste artigo se refere à dimensão curricular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Silva , P. S. A. da . (2020). Epistemologia, Currículo e Formação Continuada de Professores de Ciências. Ensino Em Re-Vista, 27(1), 253–278. https://doi.org/10.14393/ER-v27n1a2020-11
Seção
Dossiê O caminho se faz caminhando: formação docente no fazer e refazer

Referências

ABREU, ALARCÃO, Isabel. Professores reflexivos em uma escola reflexiva. São Paulo: Cortez, 2003.

ARAGÃO, Rosália M. R. de. Uma interação fundamental de ensino e de aprendizagem: professor, aluno e conhecimento. In: SCHNETZLER, Roseli P.; ARAGÃO, Rosália M. R. de (orgs.) . Ensino de ciências: fundamentos e abordagens. Campinas: UNIMEP/CAPES, 2000. p. 82-98.

CACHAPUZ, Antônio et al (org.). A Necessária renovação do ensino das ciências. São Paulo: Cortez, 2005.

CARVALHO, A. M. P. de; GIL-PÉREZ, Daniel. Formação de professores de ciências: tendências e inovações. São Paulo, 6 ed.; Cortez, 2001.

CHASSOT, Attico. Alfabetização científica: questões e desafios para a educação. 3 .ed. Ijuí , Ed. Unijuí, 2003.

CHAVES, Sílvia Nogueira. A inserção do debate epistemológico na formação de professores de ciências: caminhos e desafios para a prática docente. ATAS do V ENPEC-CD ROM, 2005. p.1-8.

CONNELLY, F. M. e CLANDININ, D. J. Relatos de Experiencia e Investigación Narrativa IN: LARROSA, J. (org). Dejame que te cuente: Ensayos sobre narrativa y educación. Barcelona : Editorial Laertes, 1995.

COSTA, Marisa Vorraber. Poder, discurso, e política cultural: Contribuições dos Estudos Culturais ao campo do currículo. In: LOPES, Alice C. L.; MACEDO, Elizabeth. (org.). Currículo: debates contemporâneos. São Paulo: Cortez, 2002. p. 133-149.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Editora Paz e Terra, São Paulo, 1996.

______. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. Rio de janeiro: Paz e terra, 1992.

MORTIMER, E. F. Linguagem e formação de conceitos no ensino de ciências. Belo Horizonte, E. d. UFMG, 2000.

MOREIRA Flavio B.; SILVA, Tadeu da. Sociologia e teoria crítica do currículo: uma introdução. In: MOREIRA Flavio A.; SILVA, Tadeu da (orgs). Currículo, cultura e sociedade. 5 .ed. São Paulo: Cortez, 2001. p. 7-37.

MORIN, Edgar. Complexidade e ética da solidariedade. In: CASTRO, Gustavo de (Coord.). Ensaios de complexidade. 4. ed. Porto Alegre: Sulina, 2006. p. 11-20.

______Os sete saberes necessários à educação do futuro. 9. ed. São Paulo, Brasília, DF: UNESCO: Cortez, 2004.

NÓVOA, Antônio. Formação dos professores e formação docente. In: NÓVOA, Antônio (org.). Os professores e a sua formação. Ed. Dom Quixote; Lisboa, 1992. p. 15-33.

POPKEWITZ, Thomas S. Lutando em defesa da alma: a política do ensino e a construção do professor. Porto Alegre: Artmed Editora, 2001.

SANTOS, Maria Eduarda V. M. dos. Desafios e pedagógicos para o Século XXI. Ed. Livros Horizonte, Lisboa, 1999.

SANTOS, W L. P. dos; SCNHETZLER, R. P. Educação em química compromisso e cidadania. 4ª .Unijuí. Ed. 2010.

SILVA, T. T. da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. 2 ed., Ed. Autêntica, Belo Horizonte, 2002.

WORTMANN. Currículo e ciências ― as especificidades pedagógicas do ensino de ciências. IN: COSTA, Marisa Vorraber (org.). O currículo nos limiares do contemporâneo. 3. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2003. p.129-157.