ESPECIALIZAÇÃO PRODUTIVA EM PEQUENAS CIDADES: O CASO DE SANTA CRUZ DO RIO PARDO - SP E A INDÚSTRIA DE BENEFICIAMENTO DE ARROZ

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG228055015

Palavras-chave:

Arrozeiras., Contato próximo., Processo produtivo.

Resumo

O objetivo do trabalho foi discutir como ocorreu a especialização produtiva na pequena cidade de Santa Cruz do Rio Pardo e contribuir quanto à discussão relativa às pequenas cidades que desenvolveram especializações produtivas/funcionais. Para a realização do trabalho foram utilizadas fontes primárias e secundárias, constituídas de levantamento de campo, pesquisa bibliográfica e coleta de dados sobre o setor do beneficiamento do arroz. Observou-se que Santa Cruz do Rio Pardo tem sua economia fortemente atrelada ao setor da indústria de beneficiamento de arroz, ou arrozeiras, representando o maior polo de beneficiamento de arroz excetuando-se o estado do Rio Grande do Sul, líder nacional. As arrozeiras, têm a gênese relacionada à iniciativa de agentes sociais locais, cujo capital acumulado com atividades rurais foi investido em máquinas de beneficiamento de arroz oriundas da indústria Máquinas Suzuki, dando origem, em meados da década de 1960, à indústria analisada e a especialização produtiva nessa pequena cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Franciele Miranda Ferreira Dias, Universidade Estadual de Londrina

Programa de Pós-Graduação em Geografia, Doutora em Geografia, Universidade Estadual de Londrina. Professora substituta no curso de Geografia da Unesp (Campus de Ourinhos)

Downloads

Publicado

05-04-2021

Como Citar

Ferreira Dias, F. M. (2021). ESPECIALIZAÇÃO PRODUTIVA EM PEQUENAS CIDADES: O CASO DE SANTA CRUZ DO RIO PARDO - SP E A INDÚSTRIA DE BENEFICIAMENTO DE ARROZ. Caminhos De Geografia, 22(80), 282–296. https://doi.org/10.14393/RCG228055015

Edição

Seção

Artigos