ANÁLISE MULTICRITÉRIO PARA DETERMINAÇÃO DO ISOLAMENTO GEOGRÁFICO E DESENVOLVIMENTO EM ILHAS ESTUARINAS DO MUNICÍPIO DE BELÉM-PA

Autores

  • Arley Martins Quaresma Universidade Federal do Pará, Belém, PA, Brasil
  • Claudio Fabian Szlafsztein Núcleo de Altos Estudos Amazônico, UFPA. Belém, PA, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG217853334

Palavras-chave:

Ilhas, Isolamento geográfico, Desenvolvimento insular, Zona costeira amazônica, Belém-PA

Resumo

Os fluxos de desenvolvimento socioeconômico das ilhas amazônicas são fortemente relacionados por sua relevância, singularidade, e valor em relação aos caminhos de desenvolvimento dos centros urbanos. A distância física das ilhas do município de Belém-PA determina as unidades insulares a níveis de desenvolvimento territorial distintos. Este artigo propõe uma análise a partir de critérios pré-estabelecidos a fim de determinar o grau de isolamento e a relação de desenvolvimento das ilhas mais relevantes do município de Belém-PA. A metodologia para determinação do grau de isolamento levou em consideração dois indicadores: Acessibilidade e conectividade e suas respectivas variáveis. Contudo, o artigo examinará como o distanciamento físico do continente afeta a capacidade de uma ilha determinar seu próprio destino e curso de desenvolvimento. A parti dos resultados constatou-se que as ilhas mais isoladas se sustentam de diferentes condições de autonomia e desenvolvimento. As ilhas com menor grau de isolamento possuem ligações físicas e conectividade intensa, maneira pela qual reduzem o isolamento. Em tais ligações, as ilhas mais propensas ao desenvolvimento não são as mais próximas ao continente, mas as que possuem maiores ofertas de serviços aos ilhéus.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-12-2020

Como Citar

Quaresma, A. M. ., & Szlafsztein, C. F. . (2020). ANÁLISE MULTICRITÉRIO PARA DETERMINAÇÃO DO ISOLAMENTO GEOGRÁFICO E DESENVOLVIMENTO EM ILHAS ESTUARINAS DO MUNICÍPIO DE BELÉM-PA. Caminhos De Geografia, 21(78), 325–342. https://doi.org/10.14393/RCG217853334

Edição

Seção

Artigos