GEOGRAFIA E POVOS INDÍGENAS NO BRASIL: UMA ANÁLISE A PARTIR DOS DOCUMENTOS NORMATIVOS DA EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA

Autores

  • Elson Mateus Monteiro Sousa Universidade do Estado do Pará - UEPA http://orcid.org/0000-0001-8333-1021
  • Adolfo da Costa Oliveira Neto Universidade Federal do Pará / Universidade do Estado do Pará

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG217853035

Palavras-chave:

Tópicos Especiais de Educação, Políticas Indigenistas, Território, Amazônia

Resumo

O presente artigo tem como objetivo compreender como a geografia tem sido incluída nos documentos normativos da educação escolar indígena. Prioriza-se, na análise aqui desenvolvida, o recorte histórico pós-1988, quando emerge o modelo intercultural-bilíngue, que tem se consolidado nas recentes décadas dentro da agenda dos movimentos indígenas no Brasil. Metodologicamente, parte-se de uma abordagem de estudo quantitativa e qualitativa com pesquisa documental e revisão bibliométrica, culminando na análise dos principais documentos desta modalidade de educação. De acordo com a análise efetuada, a geografia, no atual modelo intercultural, tem sido caracterizada por um forte apelo aos conceitos de território e territorialidade, bem como na utilização da cartografia como um eixo transversal da geografia nesta modalidade de educação, conforme previsto no Referencial Curricular Nacional para as Escolas Indígenas (RCNEI).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elson Mateus Monteiro Sousa, Universidade do Estado do Pará - UEPA

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Geografia (PPGG/UEPA). Bolsista da Fundação Amazônia Paraense de Amparo a Estudos e Pesquisas (FAPESPA). Integrante do Grupo de Estudos Indígenas da Amazônia (GEIA/UEPA)

Adolfo da Costa Oliveira Neto, Universidade Federal do Pará / Universidade do Estado do Pará

 Doutor em Geografia, Professor do Programa de Pós-Graduação em Geografia (PPGEO/UFPA e PPGG/UEPA)

Downloads

Publicado

04-12-2020

Como Citar

Sousa, E. M. M., & Oliveira Neto, A. da C. (2020). GEOGRAFIA E POVOS INDÍGENAS NO BRASIL: UMA ANÁLISE A PARTIR DOS DOCUMENTOS NORMATIVOS DA EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA. Caminhos De Geografia, 21(78), 78–92. https://doi.org/10.14393/RCG217853035

Edição

Seção

Artigos