VULNERABILIDADE SOCIAL DOS SETORES CENSITÁRIOS ÀS MARGENS DO RIO POTI NO MUNICÍPIO DE TERESINA/PIAUÍ

Autores

  • Hikaro Kayo de Brito Nunes Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)
  • Cláudia Maria Sabóia de Aquino Universidade Federal do Piauí (UFPI)

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG206941300

Palavras-chave:

Diagnóstico social, técnicas estatísticas, malha censitária

Resumo

O presente estudo analisou a vulnerabilidade social presente nos setores censitários às margens do rio Poti no município de Teresina/Piauí. Os procedimentos metodológicos que nortearam a pesquisa foram: análise bibliográfica e documental, verificação in loco, utilização da malha dos setores censitários do IBGE (Censo 2010), emprego de técnicas estatísticas (análise multivariada, análise fatorial e técnica de cluster) e do software QGis (versão 2.14.7). O universo do estudo concentrou 72 setores censitários distribuídos ao longo do canal fluvial e perpassando os espaços urbano e rural e todas as regiões administrativas da cidade. Os dados indicam que 29% dos setores estudados apresentam IVS Alto (21.208 habitantes), 44% IVS Médio (26.301 habitantes) e 25% IVS Baixo (12.203 habitantes). No que se refere à espacialização da vulnerabilidade social, esta se caracteriza de forma mais significativa nos setores localizados na região Centro-Norte (margem esquerda do rio), haja vista os perfis demográficos, estruturantes e de rendimento, denotando assim cenários de contraditoriedade social associados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hikaro Kayo de Brito Nunes, Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)

Mestre em Geografia (UFPI) e Graduado em Geografia (UESPI). Professor Substituto da Universidade Estadual do Maranhão (CESC/UEMA)

Cláudia Maria Sabóia de Aquino, Universidade Federal do Piauí (UFPI)

Doutora em Geografia (UFS), Mestra em Desenvolvimento e Meio Ambiente (UFC) e Graduada em Geografia (UFPI). Professora Adjunta da Universidade Federal do Piauí (UFPI).

VULNERABILIDADE SOCIAL DOS SETORES CENSITÁRIOS

Downloads

Publicado

10-07-2019

Como Citar

DE BRITO NUNES, H. K.; SABÓIA DE AQUINO, C. M. VULNERABILIDADE SOCIAL DOS SETORES CENSITÁRIOS ÀS MARGENS DO RIO POTI NO MUNICÍPIO DE TERESINA/PIAUÍ. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 20, n. 69, p. 326–341, 2019. DOI: 10.14393/RCG206941300. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/41300. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos