DADOS TM APLICADOS A MODELAGEM DA PLUMA SEDIMENTAR NA COSTA DO CACAU, ILHÉUS- BAHIA, BRASIL

Autores

  • Cezar Augusto Teixeira Falcão Filho Universidade Federal da Bahia
  • Gil Marcelo Reuss Strenzel Universidade Estadual de Santa Cruz, Professor.
  • Francisco Carlos Fernandes de Paula Universidade Estadual de Santa Cruz, Professor

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG175808

Palavras-chave:

, sensoriamento remoto, cor do oceano, mapeamento, TSS

Resumo

Um modelo empírico foi calibrado para mapear as plumas sedimentares da zona costeira localizada na região conhecida como "Costa do Cacau", no sul da Bahia, na cidade de Ilhéus. O modelo foi desenvolvido pela regressão linear entre os valores de TSS (Total de Sólidos Suspensos) coletados em oito pontos in situ, em águas do caso 2, e os dados físicos de reflectância centralizados no comprimento de onda específico da λ3 banda (0,63 - 0,69 mm ), reunidos pelo método gravimétrico e técnicas de sensoriamento remoto aplicados à cor do oceano, respectivamente. O R2 (0,75) mostraram uma relação positiva e significativa entre as duas variáveis. A análise de resíduos mostrou uma baixa variação de valores de TSS gerados pelo modelo nos pontos 1, 2, 3 e 8.Os valores de TSS seguiram a tendência prevista para a distribuição da concentração de material particulado na plataforma continental. Conclui-se que o mapeamento do TSS, através da construção de um modelo empírico, é uma opção viável do ponto de vista prático, se a entrada de dados em conformidade com a condição específica do site local é fornecida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cezar Augusto Teixeira Falcão Filho, Universidade Federal da Bahia

Doutorando no curso de Geologia da Universidade Federal da Bahia.

Gil Marcelo Reuss Strenzel, Universidade Estadual de Santa Cruz, Professor.

Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Estadual de Santa Cruz. Possui experiência em Geoprocessamento aplicado à gestão de recursos marinhos, com ênfase em monitoramento planejamento e manejo de Unidades de Conservação Marinhas. Atua principalmente em temas ligados a geoprocessamento e sensoriamento remoto como ferramentas voltadas ao gerenciamento costeiro e conservação da biodiversidade marinha

Francisco Carlos Fernandes de Paula, Universidade Estadual de Santa Cruz, Professor

Atualmente é professor Titular da Universidade Estadual de Santa Cruz. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Biogeoquímica e Limnologia, atuando principalmente nos seguintes temas: bacias hidrográficas, metais, nutrientes, usos da terra.

Downloads

Publicado

27-06-2016

Como Citar

FALCÃO FILHO, C. A. T.; STRENZEL, G. M. R.; DE PAULA, F. C. F. DADOS TM APLICADOS A MODELAGEM DA PLUMA SEDIMENTAR NA COSTA DO CACAU, ILHÉUS- BAHIA, BRASIL. Caminhos de Geografia, Uberlândia, MG, v. 17, n. 58, p. 117–135, 2016. DOI: 10.14393/RCG175808. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/30950. Acesso em: 10 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos