DIAGNÓSTICO DA EXPANSÃO AGROPECUÁRIA NA BACIA DO RIO UBERABA, VER͍SSIMO - MG, UTILIZANDO-SE DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA

Autores

  • Alisson Mendonça de Almeida Instituto Federal de Educaçao, Ciencia e Tecnolofia do Triangulo Mineiro IFTM Campus Uberaba
  • Renato Farias do Valle Júnior Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro

Palavras-chave:

Diagnóstico ambiental, Rio Uberaba, Idrisi.

Resumo

Esta monografia objetiva apresentar o diagnóstico agropecuário na bacia do rio Uberaba dentro do município de Verissimo - MG. O espaço temporal deste diagnóstico ambiental compreendeu o período de 1975 a 2010. Para isto, elaboraram-se os mapas de uso e ocupação do solo através dos softwares ENVI 4.0 e Idrisi The Andes 15.0 onde, pelo comando do Land Change Modeler- LCM fez-se uma previsão para o ano de 2050da degradação ambiental. O LCM mostra projeções estimadas de redução de aproximadamente 70% na área de mata nativa provocada pelo avanço das atividades agropecuárias. O aumento na área de mata nativa comprovada em 2010, se deve ao fato, da recomposição vegetal em áreas de maior declividade, ou seja, são áreas, em que o emprego de máquinas agrícolas se torna inviáveis, pois topograficamente são regiões de relevo montanhoso. Os mapas de ganhos e perdas na agricultura e na pastagem e também o mapa da transição da agricultura para pastagem, revelam que a pecuária foi a atividade econômica que mais se alastrou na bacia do rio Uberaba no município de Veríssimo-MG.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato Farias do Valle Júnior, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro

Professor Doutor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro/ IFTM Campus Uberaba.

Downloads

Publicado

08-07-2013

Como Citar

de Almeida, A. M., & Júnior, R. F. do V. (2013). DIAGNÓSTICO DA EXPANSÃO AGROPECUÁRIA NA BACIA DO RIO UBERABA, VER͍SSIMO - MG, UTILIZANDO-SE DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA. Caminhos De Geografia, 14(46). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/20911

Edição

Seção

Artigos