TÉCNICAS DE INTERPRETAÇÃO DE IMAGENS DE ALTA RESOLUÇÃO PARA MONITORAMENTO DE PRAÇAS EM SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - SP

Autores

  • Marcela Salci Tomazette
  • Sandra Maria Fonseca da Costa

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG134316750

Palavras-chave:

sensoriamento remoto, interpretação de imagens, Quickbird, praças, planejamento urbano.

Resumo

Este artigo tem como objetivo mapear e quantificar as praças da cidade de São José dos Campos, localizada em São Paulo, utilizando imagens de alta resolução espacial obtidos por satélite Quickbird, a fim de verificar a eficácia das técnicas e dados de sensoriamento remoto para o monitoramento de praças. Adotou-se como metodologia a interpretação de imagens utilizando os elementos primários (localização, tom/cor), e os elementos secundários (tamanho, forma e textura). Com o resultado dessa pesquisa, conclui-se que a utilização das imagens de alta resolução Quickbird permite realizar o monitoramento destes espaços públicos, pois podem ser identificados diferentes atributos expostos na imagem relacionados às praças.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

15-09-2012

Como Citar

TOMAZETTE, M. S.; DA COSTA, S. M. F. TÉCNICAS DE INTERPRETAÇÃO DE IMAGENS DE ALTA RESOLUÇÃO PARA MONITORAMENTO DE PRAÇAS EM SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - SP. Caminhos de Geografia, Uberlândia, MG, v. 13, n. 43, p. 52–70, 2012. DOI: 10.14393/RCG134316750. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/16750. Acesso em: 2 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos