OS DOIS CIRCUITOS DA ECONOMIA URBANA NA CIDADE DE ILHÉUS: O CIRCUITO INFERIOR DA PESCA

Autores

  • Greiziene Greizi Araujo Queiroz Unicamp

Palavras-chave:

Circuitos espacias produtivos

Resumo

O presente trabalho é resultado de pesquisa que está sendo realizada junto ao Programa de Pós-graduação em Geografia do Instituto de Geociências da Unicamp. Nossa pesquisa baseia-se no estudo dos circuitos espaciais produtivos (MORAES, 1989; SANTOS & SILVEIRA, 2001; SANTOS, 2004). Essa abordagem de método constitui um tipo de estudo imprescindível para que se entenda a dinâmica produtiva dos países periféricos num contexto de globalização. A partir da compreensão do funcionamento dos circuitos, pode-se melhor entender as crises que tanto perturbam o território hoje. Neste artigo procuramos fazer uma abordagem preliminar sobre os agentes envolvidos no circuito espacial produtivo da pesca em Ilhéus (BA), enfatizando o circuito inferior, mas procurando estabelecer as relações entretecidas entre este circuito e o circuito superior marginal da pesca, pois agentes com diferentes recursos tecnológicos e de capital imprimem lógicas distintas ao uso do território nos lugares. Consideramos a teoria dos circuitos espaciais produtivos, adequada para uma compreensão geográfica das dinâmicas socioespaciais de Ilhéus.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Greiziene Greizi Araujo Queiroz, Unicamp

Graduada em Geografia pela Universidade Estadual de Santa Cruz -UESC e mestranda pela Universidade Estaual de Campinas- Unicamp.

Downloads

Publicado

09-04-2012

Como Citar

Araujo Queiroz, G. G. (2012). OS DOIS CIRCUITOS DA ECONOMIA URBANA NA CIDADE DE ILHÉUS: O CIRCUITO INFERIOR DA PESCA. Caminhos De Geografia, 13(41). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/16622

Edição

Seção

Artigos