NOVAS ESTRATÉGIAS DE REPRODUÇÃO DO CAPITAL E A CONSTRUÇÃO DO CONSENSO: REFLEXÕES A PARTIR DAS NOVAS EXPRESSÕES DE CENTRALIDADE EM CIDADES MÉDIAS

Autores

  • Gilberto Oliveira Junior Universidade de Brasília-UnB

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG113316114

Palavras-chave:

Cidades médias, Novas expressões de centralidade, Shopping Centers

Resumo

O presente artigo objetiva construir movimento reflexivo acerca da abstração da realidade presente na construção do discurso do consenso da modernização e desenvolvimento propiciado pelos novos artefatos inseridos no espaço urbano, no qual a reestruturação espacial tende a reproduzir um esvaziamento das experiências dos conflitos de interesses de classe. Embora o discurso se constitua de aspectos reais e concretos, estes aspectos terminam por velar interesses e contradições, velando as tensões da sociedade burguesa ao mesmo tempo em que permite a desconstrução das possibilidades teóricas e práticas de emancipação e conscientização política dos cidadãos. Reafirma-se no "espaço pseudoconcreto��?, produzido pelo falseamento ideológico das contradições reais e pelo discurso parcial que sustenta o interesse das elites, a impossibilidade de uma apropriação subversiva à racionalidade capitalista. Nesta direção, desenvolve-se reflexão acerca das novas expressões de centralidade quanto à reestruturação que fundamentam na manifesta pertinência da produção do espaço para a reprodução ampliada do capital.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

22-03-2010

Como Citar

OLIVEIRA JUNIOR, G. NOVAS ESTRATÉGIAS DE REPRODUÇÃO DO CAPITAL E A CONSTRUÇÃO DO CONSENSO: REFLEXÕES A PARTIR DAS NOVAS EXPRESSÕES DE CENTRALIDADE EM CIDADES MÉDIAS. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 11, n. 33, p. 179–188, 2010. DOI: 10.14393/RCG113316114. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/16114. Acesso em: 25 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos