PRÁTICA PEDAGÓGICA EM GEOGRAFIA: CONSTRUINDO UM CURVÍMETRO ALTERNATIVO

Autores

  • Erico Anderson de Oliveira CEFET MG
  • Rosália Caldas S. de Oliveira CEFET/MG

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG113516030

Palavras-chave:

Curvímetro , Escala, Cartografia, Medição

Resumo

O emprego do curvímetro surgiu da necessidade de se avaliar a distância de um percurso rodoviário em um mapa durante um exercício em sala de aula. Como o aparelho é relativamente caro para a compra, para tanto, comprou-se uma carretilha para marcar tecido, em loja de aviamentos. Mediu-se uma volta completa da carretilha para se calcular a sua circunferência. A carretilha transformada em curvímetro passou a ser capaz de medir percursos curvilíneos como uma régua comum. A partir daí os alunos efetuaram experimentações e comparações com um curvímetro padrão para avaliarem o grau de precisão do curvímetro de carretilha.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

15-09-2010

Como Citar

OLIVEIRA, E. A. de; OLIVEIRA, R. C. S. de. PRÁTICA PEDAGÓGICA EM GEOGRAFIA: CONSTRUINDO UM CURVÍMETRO ALTERNATIVO. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 11, n. 35, p. 81–90, 2010. DOI: 10.14393/RCG113516030. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/16030. Acesso em: 23 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos