ANÁLISE MULTITEMPORAL DO USO E COBERTURA DA TERRA DE UMA PROPRIEDADE RURAL DE 1992 A 2001

Autores

  • Rafael Rodrigo Eckhardt UNIVATES
  • Leopoldo Pedro Feldens

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG103015840

Palavras-chave:

Amazônia, desmatamento, sensoriamento remoto, avaliação temporal

Resumo

A fronteira sul da Amazônia Legal vem sofrendo intensa pressão pela expansão da atividade agropecuária nas últimas décadas. Nesta região, conhecida como Arco do Desmatamento, extensas áreas florestais são transformadas anualmente em áreas agrícolas e para a formação de pastagens. Este artigo tem o objetivo detectar as mudanças no uso e cobertura da terra em uma propriedade rural, localizada no município de Pontes e Lacerda - MT, entre 1992 e 2001. Os registros de uso e cobertura da terra foram recuperados a partir da interpretação de imagens do satélite Landsat V e VII. A avaliação temporal permitiu identificar as áreas florestais suprimidas a cada ano, as respectivas áreas de pastagens formadas, as reformas realizadas em áreas de pastagens formadas em anos anteriores e áreas que sofreram processo natural de regeneração.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Rodrigo Eckhardt, UNIVATES

Mestre em Sensoriamento Remoto e Coordenador do Núcleo de Geoprocessamento do Centro Universitário UNIVATES

Leopoldo Pedro Feldens

Engenheiro Agrônomo

Downloads

Publicado

04-06-2009

Como Citar

ECKHARDT, R. R.; FELDENS, L. P. ANÁLISE MULTITEMPORAL DO USO E COBERTURA DA TERRA DE UMA PROPRIEDADE RURAL DE 1992 A 2001. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 10, n. 30, p. 33–49, 2009. DOI: 10.14393/RCG103015840. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15840. Acesso em: 22 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos