ANÁLISE DO ESTADO ATUAL DOS PARQUES DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE ÁGUAS DE SÃO PEDRO-SP

Autores

  • Silvana Bortoleto Universidade de São Paulo (USP)
  • Ana Maria Liner Pereira Lima Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG102915830

Palavras-chave:

Parques urbanos, Arborização urbana

Resumo

Essa pesquisa teve o objetivo de analisar as condições atuais dos parques da Estância Turística de Ã?guas de São Pedro. Para isto, foi utilizado um questionário baseado no trabalho de De Angelis e Castro (2004), com adaptações. Conforme trabalho de Jesus e Braga (2005), relacionou-se cinco parques na Estância; no entanto, quatro destes locais, puderam ser considerados parques, de acordo com a definição de Macedo e Sakata (2002), são eles: o parques "Dr. Octávio Moura de Andradeâ€?, o Parque Municipal Lago dos Patos, o Parque das Ã?guas e o Mini-Horto; o primeiro é privativo aos hóspedes do Grande Hotel e os outros três são de domínio público; o Mini-Horto atrai um alto número de freqüentadores e os outros dois parques públicos são subutilizados. Os parques revelaram um potencial de aumento de uso, desde que mudanças sugeridas no trabalho sejam executadas e poderiam vir a incrementar as atrações turísticas da Estância.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Silvana Bortoleto, Universidade de São Paulo (USP)

Doutoranda em Fitotecnia plea ESALQ - USP

Ana Maria Liner Pereira Lima, Universidade de São Paulo (USP)

Professor Doutor da ESALQ – USP

Downloads

Publicado

15-03-2009

Como Citar

BORTOLETO, S.; LIMA, A. M. L. P. ANÁLISE DO ESTADO ATUAL DOS PARQUES DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE ÁGUAS DE SÃO PEDRO-SP. Caminhos de Geografia, Uberlândia, MG, v. 10, n. 29, p. 174–182, 2009. DOI: 10.14393/RCG102915830. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15830. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos