ESTUDO CLIMÁTICO DA PRECIPITAÇÃO DURANTE EVENTOS DE EL-NIÑO NA REGIÃO DE UBERLÂNDIA-MG

Autores

  • João Paulo Nardin Tavares Mestrando, Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da Universidade

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG92715745

Palavras-chave:

Precipitação, El-Niño, Sustentabilidade

Resumo

Após caracterizar os anos de 1983, 1987 e 1997 como anos de El-Niño, os registros mensais de chuva em Uberlândia-MG foram examinados para avaliar se tinham resposta positiva (chuvas acima da média) ou negativa (chuvas abaixo da média) para esses eventos, quando comparados com as normais climatológicas de 1961-1990 do Instituto Nacional de Meteorologia. Foi encontrado que essa resposta não é a mesma durante o ano inteiro, sequer para todos os eventos. Inclusive pode ser encontrado que houve casos de deficit da precipitação em um ano de El-Niño, contrariando a literatura. Isso acontece porque o El-Niño tem grande influência na circulação atmosférica global. Com o objetivo de prevenção de prejuízos, os gestores de recursos naturais devem estar atentos às previsões climáticas de médio e longo prazo, que têm se desenvolvido muito no monitoramento da Oscilação Sul, que causa o El-Niño.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Paulo Nardin Tavares, Mestrando, Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da Universidade

Meteorologista, Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais da Universidade Federal do Pará.

Downloads

Publicado

22-09-2008

Como Citar

TAVARES, J. P. N. ESTUDO CLIMÁTICO DA PRECIPITAÇÃO DURANTE EVENTOS DE EL-NIÑO NA REGIÃO DE UBERLÂNDIA-MG. Caminhos de Geografia, Uberlândia, MG, v. 9, n. 27, p. 184–187, 2008. DOI: 10.14393/RCG92715745. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15745. Acesso em: 8 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos