CEMITÉRIOS UBERLANDENSES, SIMBOLISMO, RELIGIOSIDADE E CULTURA NO ESPAÇO DE UBERLÂNDIA-MG

Autores

  • Cíntia Marques Queiroz PET Geografia - UFU
  • Michelly de Lourdes Lopes Universidade Federal de Uberlândia
  • Marília Christina Arantes Melo Universidade Federal de Uberlândia
  • Kássia Nunes Silva Universidade Federal de Uberlândia
  • Edson Garbin Junior Universidade Federal de Uberlândia
  • Rosselvelt José Santos Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG82315660

Palavras-chave:

cultura, espaço, cemitérios, Uberlândia, simbolismo

Resumo

Como forma de manifestação do espaço e construção da realidade, a cultura apresenta grande importância na organização da sociedade contemporânea, de modo que seu estudo se faz imprescindível à compreensão das relações entre os homens e com o meio. Os cemitérios são desta maneira um bom exemplo da organização espacial da cultura, de sua importância e dos paradoxos produzidos no decorrer da história, pois representam um importante registro do passado e que permitem a compreensão dos gêneros de vida, traduzidos em nossa relação com a espiritualidade. Assim, o presente texto avalia os aspectos da formação cultural uberlandense, tendo como foco de estudo as características singulares presentes em seus dois cemitérios: os cemitérios Bom Pastor e o São Pedro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19-10-2007

Como Citar

QUEIROZ, C. M.; LOPES, M. de L.; MELO, M. C. A.; SILVA, K. N.; GARBIN JUNIOR, E.; SANTOS, R. J. CEMITÉRIOS UBERLANDENSES, SIMBOLISMO, RELIGIOSIDADE E CULTURA NO ESPAÇO DE UBERLÂNDIA-MG. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 8, n. 23, p. 34–40, 2007. DOI: 10.14393/RCG82315660. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15660. Acesso em: 29 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos