A PRODUÇÃO DO ESPAÇO URBANO E A IMAGEM DA CIDADE PELO MIGRANTE JOVEM

Autores

  • Eliete Moreira Santos UFG

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG82415548

Palavras-chave:

Produção do espaço, agentes sociais, cidadania, prática especial e imagem

Resumo

Este artigo é parte de um trabalho dissertativo e contêm uma breve reflexão sobre a concepção de produção e reprodução do espaço da cidade pelos agentes que o compõe, como Estado, agentes imobiliários e cidadãos. Será desenvolvida uma discussão de como esses agentes constroem os espaços a partir de suas práticas espaciais cotidianas e como se dá participação dos indivíduos para a consolidação de uma cidade cidadã. Também será discutido o processo de construção das imagens da cidade para os migrantes jovens universitários a partir de suas práticas na cidade realizadas ao longo de suas vivências cotidianas. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eliete Moreira Santos, UFG

Licenciada e bacharel em Geografia pela UFG, atualmente mestranda em Geografia pela mesma instituição e professora da rede pública estadual de Goiás.

Downloads

Publicado

14-12-2007

Como Citar

SANTOS, E. M. A PRODUÇÃO DO ESPAÇO URBANO E A IMAGEM DA CIDADE PELO MIGRANTE JOVEM. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 8, n. 24, p. 33–45, 2007. DOI: 10.14393/RCG82415548. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15548. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos