PODER, MEMÓRIAS E REPRESENTAÇÕES: UM ESTUDO DO MUSEU MUNICIPAL DE UBERLÂNDIA (MG) / Power, memories and representations: a study of the urban museum of Uberlandia (MG)

Autores

  • Hélio Carlos Miranda de Oliveira Escola de Ensino Básico da UFU
  • Renata RRS Rastrelo e Silva Mestranda em Geografia - UFU
  • Beatriz BRS Ribeiro Soares Prof. Dr. Instituto de Geografia - UFU

Palavras-chave:

Museu, Memória, representação, poder,

Resumo

O presente artigo tem como objetivo principal discutir a memória produzida e as representações criadas pelo Museu Municipal de Uberlândia e a mostra Nossa Raízes, questionando qual a memória está sendo preservada nesse museu e quais interpretações estão sendo dadas às memórias da cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hélio Carlos Miranda de Oliveira, Escola de Ensino Básico da UFU

Formado em Licenciatura em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia. Aluno do Programa de Pós-Graduação em Geografia (Mestrado) da Universidade Federal de Uberlândia. Professor da Escola de Educação Básica da Universidade Federal de Uberlândia.

Renata RRS Rastrelo e Silva, Mestranda em Geografia - UFU

Licenciada e Bacharel em História pela Universidade Federal de Uberlândia. Aluna do Programa de Pós-Graduação em História (Mestrado) da Universidade Federal de Uberlândia.

Beatriz BRS Ribeiro Soares, Prof. Dr. Instituto de Geografia - UFU

Professora do Instituto de Geografia da Universidade Federal de Uberlândia.

Downloads

Publicado

08-02-2007

Como Citar

Miranda de Oliveira, H. C., Rastrelo e Silva, R. R., & Ribeiro Soares, B. B. (2007). PODER, MEMÓRIAS E REPRESENTAÇÕES: UM ESTUDO DO MUSEU MUNICIPAL DE UBERLÂNDIA (MG) / Power, memories and representations: a study of the urban museum of Uberlandia (MG). Caminhos De Geografia, 8(20). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15470

Edição

Seção

Artigos