PARA ALÉM DO ESPETÁCULO:

O CINEMA REVOLUCIONÁRIO LATINOAMERICANO

Autores

  • Ludmila Pereira Alves Programa de Pós-Graduação em Geografia - IG-UFU

Palavras-chave:

Educação; Escola Pública; Teoria Anticolonial; Currículo; Políticas educacionais.

Resumo

Este artigo é parte da pesquisa de mestrado sobre as imagens do urbano no cinema, a Teoria Anticolonial e a Teoria Crítica da Escola de Frankfurt. O cinema anticolonial produzido na América Latina a partir de meados do século XX é composto por uma categoria de obras fílmicas que fazem parte das lutas revolucionárias contra a opressão do colonialismo presente especialmente naquele período através de uma onda de regimes autoritários em vários países latino-americanos. Fora desse processo de ditadura cultural, constituiu-se um cinema à margem na América Latina. O cinema anticolonial caracteriza-se como um cinema autêntico e de resistência configurando-se como um conjunto de obras contrárias, tanto ao espetáculo, quanto à indústria cultural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ludmila Pereira Alves, Programa de Pós-Graduação em Geografia - IG-UFU

Possui graduação em Bacharel em Geografia pela Universidade Federal de Minas Gerais (2001). Licenciada em Geografia pela Faculdade Cidade de João Pinheiro-FCJP (2011). Pós-graduada em Gestão Ambiental e Docência do Ensino Superior pela Faculdade Integrada do Noroeste de Minas-FINOM (2011). Experiência no ensino de Geografia para o Ensino Fundamental II, Ensino Médio e Ensino Superior. Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Geografia - IG - da Universidade Federal de Uberlândia - UFU. Pesquisadora do Núcleo de pesquisa Anticolonial - IG -UFU

Downloads

Publicado

2022-10-14

Como Citar

Pereira Alves, L. (2022). PARA ALÉM DO ESPETÁCULO: : O CINEMA REVOLUCIONÁRIO LATINOAMERICANO. Observatorium: Revista Eletrônica De Geografia, 13, 87–97. Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/Observatorium/article/view/67264