Um redemoinho no rio do devir: algumas notas sobre o conceito de origem em Walter Benjamin

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REPRIM-v7n13a2022-67071

Palavras-chave:

Walter Benjamin, Filosofia da História, Origem, Conceito de História, Epistemologia

Resumo

Resumo: Este artigo tem o objetivo de apresentar algumas considerações a respeito do conceito de origem (Ursprung) para a concepção de história de Walter Benjamin, a partir de uma imagem, descrita pelo filósofo no texto ”Diário de 7 de agosto de 1931 até o dia de minha morte”. Com este artigo tenho dois objetivos: primeiramente, pretendo demonstrar como a categoria da origem é, para Benjamin, a raiz central que sustenta sua concepção de história; ademais, pretendo, a partir do Prefácio do livro Origem do drama barroco alemão, desenvolver algumas considerações que auxiliem a compreender o modo como é possível se realizar uma análise histórica fundada no conceito de origem, desenvolvendo alguns significados que o autor aponta para a categoria.

Palavras-chave: Walter Benjamin; Filosofia da História; Origem; Conceito de História; Epistemologia

A swirl in the river of becoming: some thoughts about Walter Benjamin’s concept of origin

Abstract: This article aims to present some considerations about the concept of origin (Ursprung) for Walter Benjamin's conception of history, based on an image, described by the philosopher in the text “Diary from August 7, 1931, to the day of my death”. With this article I intend to accomplish two things: first of all, I wish to demonstrate that the category of origin is, in Benjamin, the cornerstone upon which his conception of history is built; furthermore, I intend to search for tools that may help to understand the way in which a historical analysis is made possible when grounded upon the concept of origin, by focusing on specific meanings therein concerning that category.

Keywords: Walter Benjamin; Philosophy of History; Origin; Concept of History; Epistemology

 

Data de registro: 26/09/2022

Data de aceite: 30/08/2023

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriel Galbiatti Nunes, Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Mestrando em Filosofia pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). E-mail: gabriel.galbiatti.nunes@hotmail.com. Lattes: http://lattes.cnpq.br/0820496417282003. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-5763-7171.

Referências

BARRENTO, João. Comentário. In: BENJAMIN, Walter. Origem do drama trágico alemão. Edição e tradução de João Barrento. Belo Horizonte: Autêntica Editora. 2020.

BENJAMIN, Walter. Tagebuch vom siebenten August neunzehnhunderteinunddreissig bis zum Todestag. In: BENJAMIN, Walter. Gesammelte Schriften, VI. Frankfurt am Main: Suhrkamp. 1985.

BENJAMIN, Walter. A vida dos Estudantes. In: BENJAMIN, Walter. Documentos de cultura, documentos de barbárie: escritos escolhidos. São Paulo: Cultrix; Editora da Universidade de São Paulo. 1986.

BENJAMIN, Walter. Ursprung des deutschen Trauerspiels. In: BENJAMIN, Walter. Gesammelte Schriften, I – I. Frankfurt am Main: Suhrkamp. 1991.

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito de história. In: BENJAMIN, Walter. O anjo da História. Organização e tradução de João Barrento. Belo Horizonte: Autêntica Editora. 2019.

BENJAMIN, Walter. Origem do drama trágico alemão. Belo Horizonte: Autêntica Editora. 2020.

GAGNEBIN, J. M. História e narração em Walter Benjamin. São Paulo: Perspectiva. 2013.

LÖWY, M. Walter Benjamin: aviso de incêndio: uma leitura das teses “Sobre o conceito de história”. Tradução de Wanda Nogueira Caldeira Brant; tradução das teses de Jeanne Marie Gagnebin e Marcos Lutz Müller. São Paulo: Boitempo. 2005.

MACHADO, F. A. Imanência e história: a crítica do conhecimento em Walter Benjamin. Belo Horizonte: Editora UFMG. 2004.

Downloads

Publicado

2023-12-20

Como Citar

NUNES, G. G. Um redemoinho no rio do devir: algumas notas sobre o conceito de origem em Walter Benjamin. PRIMORDIUM - Revista de Filosofia e Estudos Clássicos, Uberlândia, v. 7, n. 13, p. 127–146, 2023. DOI: 10.14393/REPRIM-v7n13a2022-67071. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/primordium/article/view/67071. Acesso em: 19 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos