VIDAS APARTADAS: OS FILHOS INDENES DOS LÁZAROS INTERNOS NO EDUCANDÁRIO ALZIRA BLEY (1937-1979) – ITANHENGA/ES

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG206941856

Palavras-chave:

Hanseníase, Isolamento Compulsório, Hospital Colônia Pedro Fontes, Educandário Alzira Bley.

Resumo

O tema apresentado neste trabalho é parte dos resultados da dissertação de mestrado em Geografia da Universidade Federal do Espírito Santo, na linha de pesquisa Estudos Urbanos e Regionais, defendida em 2013. Expõe um histórico do período de isolamento compulsório dos hansenianos no Espírito Santo e seus desdobramentos para os filhos sadios que também eram segregados da sociedade por meio dos educandários. Trata-se de uma prática regulamentada por leis que impediam a convivência dos filhos não portadores da hanseníase com seus progenitores. O Educandário Alzira Bley, localizado às margens da BR-101, km 9, (Cariacica-ES), é o único dos espaços no Espírito Santo que recebeu todas as crianças e adolescentes que não podiam conviver com seus pais no Hospital Colônia Pedro Fontes, no período de 1937 a 1979. Esses internos por sua vez passaram parte de sua vida isolados de seus pais e da sociedade. Após os estudos realizados no educandário, foram apresentadas as principais características da população de 1.547 internos desse período, bem como aquelas peculiares da vida no interior da instituição.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elaine Cristina Rossi Pavani, Universidade Federal do Espírito Santo

Licenciada em Geografia pela Universidade Federal do Espírito Santo (2003), Bacharel em Geografia pela Universidade Federal do Espírito Santo (2005); Especialista em Educação Especial Inclusiva pela UNICIDADE (2008); Especialista em Educação Comunitária pela UFES (2009); Especialista em Educação Profissionalizante Integrada ao Ensino Médio no IFES (2010). Mestre em Geografia pela UFES (2013). Mestre em Educação em Ciências e Matemática pelo  IFES (2013). Doutoranda em Geografia pela UFES . Desenvolve pesquisas nas áreas de ensino e extensão.

Downloads

Publicado

12-07-2019

Como Citar

PAVANI, E. C. R. VIDAS APARTADAS: OS FILHOS INDENES DOS LÁZAROS INTERNOS NO EDUCANDÁRIO ALZIRA BLEY (1937-1979) – ITANHENGA/ES. Caminhos de Geografia, Uberlândia, MG, v. 20, n. 69, p. 502–516, 2019. DOI: 10.14393/RCG206941856. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/41856. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos