A ABORDAGEM DE CONFLITOS PELO USO DA ÁGUA NA GESTÃO DE RECURSOS H͍DRICOS - REFLEXÕES A PARTIR DO CONTEXTO DA BACIA DO ALTO RIO DAS VELHAS/MG

Autores

  • Joselaine Ribeiro Instituto Mineiro de Gestão das Águas - Igam Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
  • Rodrigo Lemos
  • Guilherme Cota
  • Antônio Magalhães
  • Guilherme Peron

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG196823

Resumo

O artigo discute diferentes formas de entendimento das dinâmicas de conflito pelo uso de recursos hídricos a partir de duas principais perspectivas: conflito a partir das definições de diferentes marcos normativos e instrumentos de gestão da política de recursos hídricos; conflito pelo uso de recursos hídricos de acordo com a percepção social de diferentes atores e instâncias políticas. Como exemplo de caso é detalhada e analisada a questão da bacia do Alto Rio das Velhas, responsável pelo abastecimento de percentual significativo da população da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Foi realizada pesquisa bibliográfica, documental e aquisição de dados primários por meio de questionário e entrevistas. A pesquisa evidenciou a limitação do atual marco normativo e dos instrumentos de gestão utilizados para tratar as situações de conflito, principalmente devido à  grande diversidade de cenários e situações relacionadas à  questão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joselaine Ribeiro, Instituto Mineiro de Gestão das Águas - Igam Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Área de recursos hídricos do Departamento de Geografia do IGC-UFMG

Diretoria de Gestão e Apoio ao Sistema de Gerenciamento de Recursos Hídricos do Igam

Downloads

Publicado

19-12-2018

Como Citar

Ribeiro, J., Lemos, R., Cota, G., Magalhães, A., & Peron, G. (2018). A ABORDAGEM DE CONFLITOS PELO USO DA ÁGUA NA GESTÃO DE RECURSOS H͍DRICOS - REFLEXÕES A PARTIR DO CONTEXTO DA BACIA DO ALTO RIO DAS VELHAS/MG. Caminhos De Geografia, 19(68), 343–360. https://doi.org/10.14393/RCG196823

Edição

Seção

Artigos