Novas centralidades na perspectiva da relação centro - periferia / New centralities under the relation town center - periphery perspective
PDF (Português (Brasil))

How to Cite

LOPES JUNIOR, W. M.; SANTOS, R. C. B. dos. Novas centralidades na perspectiva da relação centro - periferia / New centralities under the relation town center - periphery perspective. Sociedade & Natureza, [S. l.], v. 21, n. 3, 2010. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/sociedadenatureza/article/view/9616. Acesso em: 6 dec. 2022.

Abstract

Alterações na organização espacial das cidades expressam o surgimento de novas áreas com atividades comerciais, de serviços e também um fluxo que expressa á centralidade. Neste processo, ocorre a descontinuidade do território da cidade e a criação de novos espaços que representam a relação centro - periferia. A relação centro-periferia torna-se tema relevante no estudo de novas centralidades uma vez que a morfologia urbana é alterada diante da definição de novas centralidades e a formação de outras periferias. Deste modo a cidade através de seu tecido urbano apresenta uma dinâmica contraditória de concentração e descentralização dos espaços urbanos redefinindo a relação centro-periferia, que evidencia as novas centralidades. Portanto, a concentração e descentralização que ocorre no urbano refletem em nova dinâmica no espaço intra-urbano, apresentando novas centralidades atreladas às novas localizações de grupos - empresas de comércio e de serviços, favorecendo a fragmentação espacial. Finalmente tem-se a produção de espaços interiores na cidade com suas funções específicas como: produção, consumo, moradia, e outras que influem no valor destas áreas, de acordo com sua característica ou tipo de atividade. Assim, criam-se vários centros com funções distintas evidenciados primeiramente em metrópoles e grandes cidades e num segundo momento em cidades médias contrapondo-se a antiga cidade (pequena), com centro único.
PDF (Português (Brasil))

Authors hold the Copyright for articles published in this journal, and the journal holds the right for first publication. Because they appear in a public access journal, articles are licensed under Creative Commons Attribution (BY), which permits unrestricted use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...