Aplicação do Modelo Swat na avaliação do consumo de água em áreas de florestas plantadas na bacia do rio Pará, Alto São Francisco, em Minas Gerais / Application of SWAT Model in the evaluation of water consumption in planted forest areas in Pará .........
PDF

Palavras-chave

florestas plantadas
vazão
evapotranspiração

Como Citar

RODRIGUES, E. L.; TIMBÓ ELMIRO, M. A.; JACOBI, C. M.; LAMOUNIER, W. L. Aplicação do Modelo Swat na avaliação do consumo de água em áreas de florestas plantadas na bacia do rio Pará, Alto São Francisco, em Minas Gerais / Application of SWAT Model in the evaluation of water consumption in planted forest areas in Pará ......... Sociedade & Natureza, [S. l.], v. 27, n. 3, 2016. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/sociedadenatureza/article/view/26427. Acesso em: 20 maio. 2022.

Resumo

As florestas são de grande importância para o equilíbrio do ciclo hidrológico. Existe, porém, uma discussão acerca de que plantações florestais aumentam exageradamente o consumo de água das bacias hidrográficas, especialmente, se as plantações substituem vegetação original de porte menor como é o caso do cerrado. Este estudo teve por objetivo investigar a influência dos reflorestamentos na manutenção e no equilíbrio do ciclo hidrológico na bacia do vale Rio Pará, Alto São Francisco - Minas Gerais, utilizando o modelo hidrológico SWAT. Os resultados evidenciam a eficiência da modelagem ambiental como método a fim detectar impactos no balanço hídrico decorrentes de alterações da cobertura vegetal. De forma geral, o diagnóstico revelou uma redução no consumo de -4,26% no cenário de mata nativa, -9,68% no cenário de reflorestamento médio e -11,59% no reflorestamento intenso. A curva de permanência sugere a existência de grandes armazenamentos naturais indicando um alto grau de resiliência do comportamento hidrológico. Além dos efeitos da cobertura vegetal, os resultados também indicam uma estreita influência exercida pelas variáveis físicas e climáticas na governança sobre a produção hídrica da bacia Os resultados gerados pelo modelo SWAT foram satisfatórios obtendo-se estimativas confiáveis e significativas para as análises. Destaca-se que o modelo considerou adequadamente as variáveis na sua estrutura, mostrando eficácia na representação do comportamento da bacia de maneira coerente, conforme a distribuição espacial e temporal. Assim, os resultados apontam que as alterações a curto e médio prazo no uso e cobertura do solo de uma bacia podem acarretar impactos maiores ou menores em função das variáveis físicas e climáticas do regime hídrico.
PDF

Direitos Autorais para artigos publicados nesta revista são do autor, com direitos de primeira publicação para a revista. Em virtude de aparecerem em revista de acesso público, os artigos são licenciados sob Creative Commons Attribution (BY), que permite o uso irrestrito, distribuição e reprodução em qualquer meio, desde que o trabalho original seja devidamente citado.

 
 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...