ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA DE VIÉS PÓS-ESTRUTURALISTA – AS CIÊNCIAS HUMANAS, SOCIAIS E ARTES NO PORTAL SCIELO (DE 2016 A 2020): UMA PROPOSTA DE PROCESSO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG249162347

Palavras-chave:

Pós-Estruturalismo, Análise de Conteúdo, Análise de Dados, Metodologia, Geografia

Resumo

Este artigo apresenta uma proposta de processo analítico para pesquisas de revisão bibliográfica com foco na compreensão de marcos temáticos e de fundamentação teórica. Especificamente foi analisado determinado eixo epistêmico, a saber, o pós-estruturalismo, buscando-se identificar quantidades, fluxos e recorrências das balizas de fundamentação conceituais e temáticas estudadas, com desdobramentos para uma análise do modo como esse retrato se reflete no recorte temático específico (Geografia). Para isso, empreendeu-se um percurso analítico composto pelo arranjo metodológico embasado em Análise de Conteúdo, Análise de Agrupamento de Dados (Cluster Analysis) e na Teoria Fundamentada em Dados (Grounded Theory). A partir desse processo a pesquisa apresenta um fluxograma de procedimentos (modelo de processo analítico), uma série de dados configurados em gráficos (de barras, “caixa-bigode”, histograma e explosão solar), quadros, nuvem de palavras, ficha analítica (modelo de processo analítico), Diagrama de Sankey e mindmap (modelo de processo analítico). A pesquisa foi concluída com a elaboração de problematizações e/ou proposições, no intuito de criar um horizonte de possibilidades para novas pesquisas, com a expectativa de que essa proposta, dado o seu caráter aberto e processual, seja não somente utilizada em outros estudos, mas, sobretudo, aprimorada e continuada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Carlos Queiroz Filho, Universidade Federal do Espírito Santo

Pesquisador-Artista. Doutor em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas - Unicamp. Professor do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Espírito Santo - Ufes. Coordenador do Grupo de Pesquisa Rasuras - Geografias Marginais (linguagem, poética, movimento) http://rasuraspesquisa.weebly.com/

Dara Nogueira Formigoni, Universidade Federal do Espírito Santo

Graduanda do curso de Geografia da Ufes, bolsista do Programa Institucional de Iniciação Científica - PIIC/Ufes. Integrante do Grupo de Pesquisa Rasuras - Geografias Marginais (linguagem, poética, movimento). http://rasuraspesquisa.weebly.com/

Janaina do Carmo Barcelos Martini, Universidade Federal do Espírito Santo

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Ufes, bolsista CAPES-DS. Integrante do Grupo de Pesquisa Rasuras - Geografias Marginais (linguagem, poética, movimento). http://rasuraspesquisa.weebly.com/

Rafael Fafá Borges, Universidade Federal do Espírito Santo

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Ufes, bolsista CAPES-DS. Integrante do Grupo de Pesquisa Rasuras - Geografias Marginais (linguagem, poética, movimento). http://rasuraspesquisa.weebly.com/

Downloads

Publicado

22-02-2023

Como Citar

QUEIROZ FILHO, A. C.; FORMIGONI, D. N.; MARTINI, J. do C. B.; BORGES, R. F. ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA DE VIÉS PÓS-ESTRUTURALISTA – AS CIÊNCIAS HUMANAS, SOCIAIS E ARTES NO PORTAL SCIELO (DE 2016 A 2020): UMA PROPOSTA DE PROCESSO. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 24, n. 91, p. 53–70, 2023. DOI: 10.14393/RCG249162347. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/62347. Acesso em: 19 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos