A GEODIVERSIDADE VAI À ESCOLA: SOLOS, ROCHAS E MINERAIS COMO RECURSOS DIDÁTICOS NA ABORDAGEM DE TEMÁTICAS SOCIOAMBIENTAIS

Autores

  • José Rafael Vilela da Silva Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG238857335

Palavras-chave:

Geodiversidade, Ensino, Geografia Escolar, Temáticas socioambientais

Resumo

O ensino e reflexão sobre conceitos e discussões que constituem as temáticas socioambientais, em muitos casos são tratados de forma superficial, ou são deixados de lado no contexto da Educação Básica, em virtude das dificuldades encontradas pelos educadores em dialogar e trabalhar com estes conteúdos. Tendo em vista esta questão, e a relevância do debate destas temáticas, busca-se, neste artigo, salientar o potencial dos componentes da geodiversidade na abordagem das temáticas socioambientais, sobretudo na Geografia Escolar. Para tal, realizou-se uma extensa revisão bibliográfica e a interpretação e discussão dos resultados obtidos a partir de atividades e práticas didáticas aplicadas com estudantes do 1° ano do ensino médio noturno de uma escola da rede pública de Londrina (PR). As reflexões alcançadas na pesquisa revelaram múltiplas possibilidades e potencialidades dos componentes da geodiversidade (rochas, minerais, solos, formas do relevo, etc.) enquanto recursos didáticos que podem auxiliar os docentes de Geografia na abordagem de temáticas socioambientais, e os estudantes na compreensão das discussões relativas à temática, desde a escala local até a global.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-08-2022

Como Citar

da Silva, J. R. V. (2022). A GEODIVERSIDADE VAI À ESCOLA: SOLOS, ROCHAS E MINERAIS COMO RECURSOS DIDÁTICOS NA ABORDAGEM DE TEMÁTICAS SOCIOAMBIENTAIS. Caminhos De Geografia, 23(88), 22–31. https://doi.org/10.14393/RCG238857335

Edição

Seção

Artigos