EFEITOS DA CONTRIBUIÇÃO ANTRÓPICA SOBRE AS ÁGUAS DO RIO NEGRO, NA CIDADE DE MANAUS, ESTADO DO AMAZONAS

Autores

  • Antônia Gomes Neta Pinto Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
  • Maria do Socorro Rocha da Silva Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
  • Domitila Pascoaloto Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
  • Helder Manuel da Costa Santos Universidade Federal do Amazonas.

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCG103015794

Palavras-chave:

contribuição antrópica, esgotos domésticos, efluentes industriais, metais pesados.

Resumo

O rio Negro, na orla de Manaus, recebe se seus tributários urbanos efluentes domésticos e industriais, que influem na qualidade da água. Com o intuito de avaliar o efeito da ação antrópica no rio Negro, foram analisadas variáveis físicas e químicas e os quantificou o teor de metais Cd, Cu, Cr, Mn, Ni, Pb e Zn. Os resultados mostraram descaracterização das condições naturais na foz dos igarapés São Raimundo (FISR) e Educandos (FIE) e a jusante destes (JIE), que são os dois maiores tributários urbanos e receptores de esgotos domésticos e efluentes industriais. Dos meais somente cobre e zinco estão abaixo do limite máximo desejável para águas destinadas ao abastecimento público, preconizado pela portaria 518 do Ministério da Saúde. No entanto, apesar da poluição dos tributários urbanos, o rio Negro, mantém, ainda, sua capacidade de diluir os poluentes, principalmente, no período de maior volume de água.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antônia Gomes Neta Pinto, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Geógrafa e mestre em Geociências. Atualemnte exerce função de química na Coordenação de Química e Recursos Hídricos do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Maria do Socorro Rocha da Silva, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia

Mestre em Geoquímica Ambiental.Pesquisadora do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Domitila Pascoaloto, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Mestre e doutora em Ciências. Pesquisadora do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia com pesquisas.

Helder Manuel da Costa Santos, Universidade Federal do Amazonas.

Doutor em Geologia. Professor da Univeridade Federal do Amazonas - Instituto de Saúde e Biotecnologia.

Downloads

Publicado

04-06-2009

Como Citar

NETA PINTO, A. G.; SILVA, M. do S. R. da; PASCOALOTO, D.; SANTOS, H. M. da C. EFEITOS DA CONTRIBUIÇÃO ANTRÓPICA SOBRE AS ÁGUAS DO RIO NEGRO, NA CIDADE DE MANAUS, ESTADO DO AMAZONAS. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 10, n. 30, p. 26–32, 2009. DOI: 10.14393/RCG103015794. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/caminhosdegeografia/article/view/15794. Acesso em: 16 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos