EFICÃ?CIA DE TRÊS BASES FARMACOLÓGICAS ANTI-HELMÃ?NTICAS ADMINISTRADAS EM EQÃœINOS DA RAÇA MANGALARGA MARCHADOR NO MUNICÍPIO DE UBERLÂNDIA-MG

Autores

  • CORR R.R. Acadêmico. FAMEV - UFU
  • CABRAL, D.D. ICBIM - UFU

Palavras-chave:

Anti-parasitarios, OPG, eqüinos.

Resumo

A eqüinocultura vem se destacando consideravelmente no Brasil, sendo uma atividade de grande importância como esporte e lazer. O trabalho teve como objetivo verificar a eficácia de três bases farmacológicas anti-helmínticas utilizadas em eqüinos da raça mangalarga marchador no município de Uberlândia-MG. Foram utilizados 15 animais de idade variando de 12 a 48 meses, machos e fêmeas, em uma propriedade rural deste município. Os animais foram divididos em três grupos de cinco animais cada: o Grupo I, Oxfendazol (4,0 g/ Kg) + Closantel (3,2 g/ Kg) pasta VO (via oral); Grupo II, Ivermectina (0,40 g/ Kg) + Pamoato de Pirantel (38,3 g/ Kg) pasta VO e o Grupo III, Ivermectina (1,0 %) pasta VO. Foi aplicado o teste de redução de O.P.G., comparando-se o OPG médio do dia do tratamento com os dias 7, 14 e 28 pós-tratamento. Foram realizadas copro-culturas para identificação dos gêneros presentes. Observou-se a redução no OPG (p<0,05) de 97,5 % a 100,0 % para o grupo I até 28 dias. Quanto aos grupos II e III não se obser-varam eficácias nas avaliações subseqüentes ao tratamento. Nas coproculturas do pré-tratamento obteve-se larvas de ciastostomíneos (> 88,0 %), Strongylus spp (4 a 8 %) e Triodontophorus spp (0 a 12 %). Nos três grupos observaram-se ovos de Parascaris equorum e Oxyuris equi no dia zero e pós-tratamento, evidenciando a ineficácia dos ativos utilizados. A formulação Oxfendazole + Closantel mostrou-se eficaz no controle de estrongilídeos em eqüinos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-02-12

Como Citar

R.R., C., & D.D., C. (2008). EFICÃ?CIA DE TRÊS BASES FARMACOLÓGICAS ANTI-HELMÃ?NTICAS ADMINISTRADAS EM EQÃœINOS DA RAÇA MANGALARGA MARCHADOR NO MUNICÍPIO DE UBERLÂNDIA-MG. Veterinária Notícias - Vet Not, 12(2). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/vetnot/article/view/18731

Edição

Seção

Artigos