TEATRO E AUDIOVISUALIDADE: A DRAMATURGIA MUSICAL DE ÉSQUILO

Autores

  • Marcus Mota UNB

Palavras-chave:

Teatro grego, , Dramaturgia musical.

Resumo

Neste artigo apresento discussão de pressupostos e procedimentos metodológicos e resultados de pesquisa relacionados com a contextualização da dramaturgia musical de Ésquilo. Ficou patente na investigação doutoral que possibilitou tais discussões e resultados que o estudo da dramaturgia de Ésquilo não pode se desvincular da compreensão de ferramentas e conceitos audiovisuais. Em razão disso, as diferenças entre produções teatrais de épocas distantes podem ser aproximadas e distinguidas a partir de seus pressupostos de espetáculo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcus Mota, UNB

Marcus Mota é Professor de Teoria e Literatura dramática na UnB (Universidade de Brasília) e dirige o LADI (Laboratório de Dramaturgia e Imaginação Dramática) na mesma instituição. Publicou A idade da terra e outros escritos (Brasília, 1997), Imaginação Dramática (Brasília, 1998), Ler e Depois ( Brasília, 1998), traduções da obra de Garcia Lorca (Assim que passarem cinco anos, Yerma, Casa de Bernalda Alba, Conferências, Editora UnB, 2000) Roteiro do Drama ( Brasília, 2001). Este artigo retoma pesquisas desenvolvidas em minha Tese de Doutorado intitulada A dramaturgia musical de

Downloads

Publicado

2007-06-28

Como Citar

MOTA, M. TEATRO E AUDIOVISUALIDADE: A DRAMATURGIA MUSICAL DE ÉSQUILO. ouvirOUver, [S. l.], v. 1, n. 1, 2007. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/ouvirouver/article/view/30. Acesso em: 14 ago. 2022.

Edição

Seção

Comunicações