Artista docente: incursões e mutações nos modos de existência

Autores

  • Rosa C. Primo Universidade Federal do Ceará - UFC

DOI:

https://doi.org/10.14393/OUV14-v10n2a2014-1

Resumo

O texto que se segue tem como propósito discutir os processos nos quais o artista docente está enredado desde uma perspectiva centrada na arte e seus embates no plano institucional das universidades. Para tanto, nos aproximamos da educação tendo como foco os modos através dos quais ela se agencia à questão da subjetividade: constituição de identidades, maneiras de agir, sentir e pensar, normalizadas, sujeitadas, regulamentadas, cujo pensamento dar-se pelo viés da recognição e representação; e, por outra via, na qual a educação se encontra implicada na invenção de maneiras singulares de relação a si e com a alteridade - um pensar que traz consigo as composições de forças que engendram a corporeidade dançante. ABSTRACT The following text aims to discuss the processes in which the teaching artist is embroiled from a perspective centered on art and its clashes at the institutional level of universities. To do so, we approach education with a focus on the ways in which it touts the question of subjectivity: formation of identities, ways of acting, feeling and thinking, normalized, subjected, regulated, whose thought is given by the bias of recognition and representation; and, otherwise, in which education is implicated in the invention of singular ways of relation to oneself and to alterity - a way of thinking that brings the compositions of forces that engender the dance corporeality. KEYWORDS Teacher-artist, dance corporeality, subjectivity.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-10-29

Como Citar

PRIMO, R. C. Artista docente: incursões e mutações nos modos de existência. ouvirOUver, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 196–204, 2015. DOI: 10.14393/OUV14-v10n2a2014-1. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/ouvirouver/article/view/27850. Acesso em: 26 jan. 2022.