O ALUNO SOB MEDIDA: COMO A ESCOLA REGISTRA SEUS ALUNOS?

Conteúdo do artigo principal

Carolina Ribeiro Cardoso da Silva
Vera Lucia Gaspar da Silva

Resumo

Neste artigo, pretendemos construir um caminho que ajude a visualizar, através de múltiplas leituras, as formas de registro de medida escolar acionadas em diferentes décadas do século XX e que evidenciam discursos e práticas de avaliação. Documentos da escola, aliados a outros vinculados ao aparelho burocrático do Estado, apontam para diferentes aspectos da cultura escolar que analisaremos, aliando a reflexão a aspectos materiais dos registros. Para fazê-lo, utilizamos parte do acervo de um grupo escolar catarinense, escolhido pela riqueza da documentação e pelo padrão que este tipo de escola representa na construção do projeto de escolarização da infância. A investigação possibilitou localizar diferentes formatos de registros que "sobreviveram" ao tempo e ao processo de descarte, oferecendo-nos pistas sobre práticas escolares utilizadas para aferir o conhecimento dos escolares entre os anos de 1934 e 1971.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Silva, C. R. C. da, & Silva, V. L. G. da. (2015). O ALUNO SOB MEDIDA: COMO A ESCOLA REGISTRA SEUS ALUNOS?. Cadernos De História Da Educação, 14(1). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/che/article/view/32119
Seção
Artigos