O sentido e a emoção no conteúdo do motivo da atividade de estudo

Conteúdo do artigo principal

Valdirene Gomes de Sousa
https://orcid.org/0000-0002-8334-1702
Lucas Vieira Lemos
https://orcid.org/0000-0003-1083-2233
Karoline Pignatel Saccon
https://orcid.org/0000-0002-9803-2312

Resumo

Neste artigo, fazemos uma reflexão na forma de ensaio bibliográfico sobre o conteúdo que move o estudante à atividade de estudo. Com base nos fundamentos teóricos da Psicologia Histórico-Cultural, referente aos elementos básicos da estrutura da atividade humana, por Leontiev e Davídov, analisamos o lugar do sentido e da emoção na atividade do estudante. O objetivo foi identificar relações dos sentidos e das emoções que surgem como conteúdo do motivo na atividade de estudo. As reflexões resultam das leituras teóricas e das vivências dos três professores autores. Consideramos a atividade de estudo (objeto de análise) pelo viés da estrutura geral da atividade. Dessa correlação, identificamos o desejo, a vontade e a significação como nexos que ligam os sentidos e as emoções ao motivo da atividade, ou seja, como conteúdo deste.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Sousa, V. G. de ., Lemos , L. V., & Saccon, K. P. . (2021). O sentido e a emoção no conteúdo do motivo da atividade de estudo. Obutchénie. Revista De Didática E Psicologia Pedagógica, 5(2), 328–353. https://doi.org/10.14393/OBv5n2.a2021-61404
Seção
DOSSIÊ - SISTEMA DIDÁTICO ELKONIN-DAVIDOV-REPKIN

Referências

ASBAHR, F. S. F.; SOUZA, M. P. R. “Por que aprender isso, professora?” Sentido pessoal e atividade de estudo na Psicologia Histórico-Cultural. Estudos de Psicologia, jul/set, 2014, p. 157-238. DOI: https://doi.org/10.11606/t.47.2011.tde-24032011-094830.

BLAGONADEZHINA, L. V. Las Emociones y los Sentimientos. Cap. XII. In: SMIRNOV, A. A.; LEONTIEV, A. N.; RUBINSHTEIN, S. L.; TIEPLOV, B. N.. Psicologia. Tradução de Florencio Villa Landa. 4. ed. México: Grijalbo, p. 355-384, 1978.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, 23 de dezembro de 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394.htm. Acesso em: 05 fev. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Brasília, DF: MEC, 2018. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acesso em: 05 fev. 2021.

DAVÍDOV, V.. La Enseñanza Escolar y el Desarrollo Psiquico: investigacion psicológica teórica y experimental. (M. Shuare, Trad). Moscu: Progreso, 1988.

DAVIDOV, V. V.; MÁRKOVA, A. (1987). La concepcion de la actividad de estudio de los escolares. In: Davidov, V.; Shuare, M. (Orgs.), La psicología evolutiva y pedagogía en la URSS: antología. (pp. 316- 337). Moscou: Progreso.

GAZZOTTI, DANIELE; DE SOUZA, MARILENE PROENÇA REBELLO. A emoção e o ensino-aprendizagem em uma perspectiva histórico-cultural: uma pesquisa na educação infantil bilíngue. Obutchénie. Revista de Didática e Psicologia Pedagógica, p. 1-23, 2019. DOI: https://doi.org/10.14393/OBv3n2.a2019-51562.

LEONTIEV, A. Actividad, Conciencia y Personalidad. Buenos Aires: Ciencias del Hombre, 1978.

LEONTIEV, A. O desenvolvimento do psiquismo. Tradução de R. E. Frias. São Paulo: Centauro, 2004.

LUKÁCS, GYÖRGY. Para uma ontologia do ser social I. Tradução de Carlos Nelson Coutinho, Mario Duayer e Nélio Schneider. São Paulo: Boitempo, 2012.

MARX, K. & ENGELS, F. Oposicion entre las concepções materialistas e idealistas. In: Marx, K. & Engels, F. (Orgs). Obras Escogidas: Tomo I. Moscú: Progreso, p. 11-81, 1974.

MENDONÇA, A. B. J.; ASBAHR, F. S. F. Atividade de estudo e sentido pessoal: uma revisão teórica. Obutchénie. R. de Didat. e Psic. Pedag. Uberlândia, MG, v.2, n.3, set./dez. 2018. p.780-800. DOI: https://doi.org/10.14393/OBv2n3.a2018-47450.

PIOTTO, D. C.; ASBAHR, F. S. F.; FURLANETO, F. R. Significação, e sentido na psicologia histórico-cultural: implicações para educação escolar. In: MOURA, Manoel Oriosvaldo (Org.). Educação escolar e pesquisa na teoria histórico-cultural. São Paulo: Edições Loyola, 2017. p. 101-124.

VYGOTSKI, L. S. Obras Escogidas II. Madrid. Machado Libros S.A. 2ed, 2001.

VYGOTSKI, L. S. Obras Escogidas IV: Paidologia del adolescente. Problemas de la psicologia infantil. España: Madrid. Machado Grupo de Distribucion, S.L, 2012.

VIGOTSKI, L. S. Psicologia Pedagógica. Tradução de Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes, 2018.