COMPOSIÇÃO BROMATOLÓGICA, ENERGIA METABOLIZÁVEL E DIGESTIBILIDADE DE NITROGÊNIO E EXTRATO ETÉREO DE AMOSTRAS DE MILHO E SORGO PARA FRANGOS DE CORTE EM DIFERENTES IDADES

Autores

  • Ana Paula Lobato Borges de Queiroz Universidade Federal de Uberlândia-UFU
  • Carolina Magalhães Caires Carvalho FAMEV UFU
  • Julyana Machado da Silva Martins Universidade Federal de Goias-UFG
  • Fernanda Heloisa Litz Universidade Federal Uberlândia-UFU
  • Evandro de Abreu Fernandes Universidade Federal de Uberlândia-UFU

DOI:

https://doi.org/10.14393/VTv21n1a2015.121

Palavras-chave:

alimento alternativo, avicultura, híbrido

Resumo

Objetivou-se determinar a composição bromatológica e a energia metabolizável aparente (EMA), corrigida para nitrogênio (EMAn), digestibilidade de nitrogênio e de extrato etéreo do milho, e de quatro variedades de sorgo; e comparar os valores para frangos em idade jovem e de abate. Para isso, procedeu-se dois ensaios de digestibilidade, utilizando-se pintos de corte machos da linhagem CobbAvian 48. No primeiro ensaio foram utilizadas 90 aves de 14 aos 21 dias de idade, divididas em seis tratamentos com cinco repetições. Foram testados como alimentos quatro amostras de sorgo grão, sendo um comercial e amostras parentais de pesquisa AS4620, DKB550 e AS4610, e um milho grão comercial. No segundo, foram utilizados 45 frangos de corte dos 33 aos 40 dias de idade, em três tratamentos com cinco repetições. Os alimentos testados foram o sorgo e milho comerciais. O método baseiou-se na coleta total de excretas, neste procedimento de digestibilidade, o alimento ingerido a cada cinco dias foi relacionado à excreta produzida pelas aves em cada gaiola no período. As variedades parentais de sorgo apresentaram melhores resultados de composição. Dos 14 aos 21 dias de idade a digestibilidade de N do milho grão foi maior que os sorgos testados. Houve interação entre alimento e ensaio em relação à digestibilidade de nitrogênio (p<0,05) nas idades testadas. A digestibilidade de EE foi diferente estatisticamente para o milho e sorgo, independentemente da idade, o milho apresentou 1,99% a mais de digestibilidade. A EMA, EMAn e EE, foi melhor dos 33 aos 40 dias de idade. Assim, os resultados evidenciam o sorgo como provável substituto do milho em rações para frangos de corte, e que aves em idade de abate apresentam maiores EMA, EMAn, digestibilidade de N e de EE.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2015-05-07

Como Citar

Lobato Borges de Queiroz, A. P., Magalhães Caires Carvalho, C., Machado da Silva Martins, J., Litz, F. H., & de Abreu Fernandes, E. (2015). COMPOSIÇÃO BROMATOLÓGICA, ENERGIA METABOLIZÁVEL E DIGESTIBILIDADE DE NITROGÊNIO E EXTRATO ETÉREO DE AMOSTRAS DE MILHO E SORGO PARA FRANGOS DE CORTE EM DIFERENTES IDADES. Veterinária Notícias, 21(1). https://doi.org/10.14393/VTv21n1a2015.121