AS CONDIÇÕES DO TRABALHO NÃO ESPECIALIZADO NA CANA-DE-AÇÚCAR E NA CONSTRUÇÃO CIVIL

Autores

  • Carlos Alves do Nascimento Instituto de Economia da UFU
  • Niemeyer Almeida Filho Instituto de Economia da UFU
  • Guilherme Carrijo Rodovalho Rodrigues Martins Instituto de Economia

Resumo

o artigo faz uma comparação entre a qualidade do emprego dos trabalhadores de baixa qualificação nos setores de cana-de-açúcar e de construção civil. A motivação para a comparação relaciona-se aos prognósticos acerca da eliminação futura de ocupações na atividade de corte da cana. Nesse cenário, a construção civil seria uma alternativa de absorção desses trabalhadores. Os resultados obtidos mostram que as condições de trabalho decorrentes dessa troca de setor de ocupação não melhorariam.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Alves do Nascimento, Instituto de Economia da UFU

doutor em economia Instituto de Economia UNICAMP

Niemeyer Almeida Filho, Instituto de Economia da UFU

doutor em teoria econômica Instituto de Economia UNICAMP

Guilherme Carrijo Rodovalho Rodrigues Martins, Instituto de Economia

graduando do Curso de Ciências Econômicas e iniciante científico PIBIC Instituto de Economia Universidade Federal de Uberlândia

Downloads

Publicado

2011-10-21

Como Citar

NASCIMENTO, C. A. do; ALMEIDA FILHO, N.; MARTINS, G. C. R. R. AS CONDIÇÕES DO TRABALHO NÃO ESPECIALIZADO NA CANA-DE-AÇÚCAR E NA CONSTRUÇÃO CIVIL. Revista Economia Ensaios, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil, v. 24, n. 2, 2011. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeconomiaensaios/article/view/7481. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos