Modelagem da Taxa de Câmbio Real no Brasil: Uma Aplicação ARIMA-GARCH para o Período 2010-2018

Autores

  • Bruna Mendonça de Oliveira Universidade Federal de Alfenas
  • Alinne Alvim Franchini Universidade Federal de Alfenas
  • Letícia Lima Milani Rodrigues Universidade Federal de Alfenas

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v36n2a2021-51427

Resumo

O objetivo do presente artigo é analisar e modelar a série de taxa de câmbio real no Brasil e sua volatilidade, no período de janeiro de 2010 a março de 2018. Para isso, utiliza-se o modelo ARIMA na série em nível e um modelo GARCH com distribuição normal assimétrica nos resíduos do modelo ARIMA ajustado. Diante da volatilidade estimada pelo modelo GARCH, pode-se concluir que a maior instabilidade cambial ocorre durante os anos de 2015 e 2016, o que pode ser explicado pelo cenário político, que acabou gerando desconfiança nos investidores e parceiros comerciais e financeiros do Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-07-21

Como Citar

MENDONÇA DE OLIVEIRA, B.; ALVIM FRANCHINI, A.; LIMA MILANI RODRIGUES, L. Modelagem da Taxa de Câmbio Real no Brasil: Uma Aplicação ARIMA-GARCH para o Período 2010-2018. Revista Economia Ensaios, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil, v. 36, n. 2, 2021. DOI: 10.14393/REE-v36n2a2021-51427. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeconomiaensaios/article/view/51427. Acesso em: 25 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos