Uma Leitura Pós-Keynesiana da Dinâmica de Preços e da Política Monetária no Brasil Pós-Metas de Inflação: uma Análise por Vetores Autorregressivos

Autores

  • Guilherme Jonas C. da Silva Universidade Federal de Uberlândia
  • Ana Paula Coutinho Viana Universidade Federal de Uberlândia
  • Fábio Henrique Bittes Terra Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v29n.esp.a2014-8

Resumo

O paper tem por objetivo analisar as raízes da inflação brasileira e a estratégia de condução da política monetária no Brasil via Regime de Metas de Inflação. Para tanto, realiza-se uma análise com Vetores Autorregressivos (VAR), utilizando dados da economia brasileira no período de 1999 a 2013. Os resultados demonstraram que a inflação no País é resultado de um conjunto de problemas, cujas causas não são exclusivamente provenientes do lado da demanda, o que torna o RMI pouco eficiente e muito custoso para combater a dinâmica da inflação verificada na economia brasileira. Assim, torna-se necessário repensar a estratégia de condução da inflação a meta estabelecida pelo Banco Central do Brasil, de modo a combater de forma mais eficaz as várias causas da inflação sem comprometer o potencial de crescimento da economia brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-12-23

Como Citar

DA SILVA, G. J. C.; VIANA, A. P. C.; TERRA, F. H. B. Uma Leitura Pós-Keynesiana da Dinâmica de Preços e da Política Monetária no Brasil Pós-Metas de Inflação: uma Análise por Vetores Autorregressivos. Revista Economia Ensaios, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil, v. 29, n. esp., 2014. DOI: 10.14393/REE-v29n.esp.a2014-8. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeconomiaensaios/article/view/28598. Acesso em: 30 nov. 2022.