Imperialismo contra ultraimperialismo: conexões teóricas e evidência empírica para o período de 1990 a 2010

Autores

  • Leonardo de Magalhães Leite Universidade Federal Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v28n2a2014-2

Resumo

A polêmica entre imperialismo e ultraimperialismo marcou o debate marxista no começo do século XX, sendo polarizada por Lênin e Kautski. Aparentemente, os acontecimentos do capitalismo contemporâneo demonstrariam que a tese ultraimperialista seria a vencedora, já que as rivalidades entre as principais potências não seriam observadas no campo militar. Argumenta-se que esse aparente ultraimperialismo seria uma fase particular dentro do imperialismo, cuja manifestação foi possível devido à existência de um líder indiscutível. Resultados empíricos contribuem com esta hipótese.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonardo de Magalhães Leite, Universidade Federal Fluminense

Professor Assistente, Departamento de Ciências Econômicas de Campos, Universidade Federal Fluminense.

Downloads

Publicado

2014-11-13

Como Citar

LEITE, L. de M. Imperialismo contra ultraimperialismo: conexões teóricas e evidência empírica para o período de 1990 a 2010. Revista Economia Ensaios, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil, v. 28, n. 2, 2014. DOI: 10.14393/REE-v28n2a2014-2. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeconomiaensaios/article/view/23662. Acesso em: 22 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos