Ludicidade no ambiente hospitalar por meio de atividade extensionista desenvolvida na Universidade Federal de Alfenas

relato de experiência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v0n00-61414

Palavras-chave:

Atividades Extensionistas, Ambiente Hospitalar, Doutores Palhaços, Ludicidade

Resumo

Este relato de experiência objetiva descrever as vivências de acadêmicos dos cursos de Enfermagem, Biomedicina, Medicina, Farmácia, Odontologia e Fisioterapia da Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL-MG), Campus de Alfenas, como doutores palhaços, membros do projeto de extensão denominado “Cuidando da Gente: atividades lúdicas na minimização das tensões no ambiente hospitalar e o ensino do autocuidado”. Essa ação extensionista é uma atividade vinculada ao Programa Condições Crônicas: Cuidados Inovadores. Aliando ludicidade e teoria do autocuidado, o projeto atinge, desde 1998, pacientes, familiares, cuidadores e profissionais da saúde em uma instituição hospitalar conveniada com a UNIFAL-MG. Contudo, no ano de 2020, devido à COVID-19, o projeto viu a necessidade de renovação de suas atividades e desde então atinge um novo público por meio das redes sociais. Trabalhar com atividades lúdicas, tanto no ambiente hospitalar quanto no ambiente virtual, permite aos discentes contribuir para o bem-estar da comunidade e exercer sua função social. Ademais, o projeto de extensão tem papel fundamental na estimulação do autocuidado dos estudantes membros da equipe, com o objetivo de valorizar a autoestima e estruturar a trajetória acadêmica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thaline Reis Tavares, Universidade Federal de Alfenas

Graduanda em Enfermagem na Universidade Federal de Alfenas, Minas Gerais, Brasil; coordenadora do Projeto de Extensão "Cuidando da Gente: atividades lúdicas na minimização das tensões no ambiente hospitalar e o ensino do autocuidado"; presidente da Liga de Atenção Primária à Saúde (LIGAPS/UNIFAL); bolsista do projeto de extensão: Ações dialógicas no Presídio de Alfenas-MG: educação e transformação social.

Ana Cristina Gonçalves Ferreira, Universidade Federal de Alfenas

Graduanda em Enfermagem na Universidade Federal de Alfenas, Minas Gerais, Brasil; subcoordenadora do projeto de extensão "Cuidando da Gente: atividades lúdicas na minimização das tensões no ambiente hospitalar e o ensino do autocuidado; membro da Liga Interdisciplinar de Cuidados Paliativos (LICP/UNIFAL) e do Centro Interdisciplinar de Estudos em Cuidados Paliativos.

Fábio de Souza Terra, Universidade Federal de Alfenas

Doutor em Ciências pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, Brasil; professor associado da Universidade Federal de Alfenas, Minas Gerais, Brasil.

Zélia Marilda Rodrigues Resck, Universidade Federal de Alfenas

Doutora em Enfermagem pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, Brasil;  estágio pós-doutoral na Universidade de São Paulo, Brasil; professora associada da Universidade Federal de Alfenas, Minas Gerais, Brasil. 

Referências

ANGELI, A. A. C.; LUVIZARO, N. A.; GALHEIGO, S. M. O cotidiano, o lúdico e as redes relacionais: a artesania do cuidar em terapia ocupacional no hospital. Interface (Botucatu), Botucatu, v. 16, n. 40, p. 261-272, mar. 2012. Doi: 10.1590/S1414-32832012005000016. Disponível em: https://www.scielo.br/j/icse/a/pBCrBDcpGFT7VnbgWDFJcZH/?lang=pt. Acesso em: 22 abr. 2021.

ARAÚJO, G. L. da S. Terapia Comunitária Integrativa na extensão universitária: um relato de experiência. 2019. 32 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) – Centro de Educação em Saúde, Universidade Federal de Campina Grande, Cuité/PB, 2019.

ARAÚJO, R. A. S. de et al. Uso de atividades lúdicas no processo de humanização em ambiente hospitalar pediátrico: relato de experiência. Interfaces, Pampulha, v. 5, n. 1, p. 166-179, jan./jun. 2017. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistainterfaces/article/view/19000/16014. Acesso em: 6 abr. 2021.

BARZ, M. et al. A extensão universitária através das mídias sociais. In: SALÃO INTERNACIONAL DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, 2020, Itaqui. Anais [...]. Itaqui-RS: Unipampa, 2020. Disponível em: https://ei.unipampa.edu.br/uploads/evt/arq_trabalhos/22562/etp1_resumo_expandido_22562.pdf. Acesso em: 21 maio 2021.

BEZERRA, M. L. R., et al. Aplicabilidade da Teoria do Déficit de Autocuidado de Orem no Brasil: uma revisão integrativa. JMPHC, Uberlândia, v. 9, n. 16, jan. 2018. Doi: 10.14295/jmphc.v9i0.538. Disponível em: https://jmphc.com.br/jmphc/article/view/538. Acesso em: 22 abr. 2021.

BOARETTO, J. P.; SILVA, M. Z. da; MARTINS, E. A. P. Ansiedade e depressão na universidade: contribuições da Terapia Comunitária Integrativa. Temas em Educ. e Saúde, Araraquara, v. 16, n. esp. 1, p. 296-310, set. 2020. Doi: 10.26673/tes.v16iesp.1.14309. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/tes/article/view/14309. Acesso em: 6 abr. 2021.

BORGES, G. S.; BRAMATTI, R. A importância do espaço lúdico no ambiente hospitalar. FAG Journal of Health, Cascavel, v. 2, n. 4, p. 461-465, set. 2020. Doi: 10.35984/fjh.v2i4.254. Disponível em: https://fjh.fag.edu.br/index.php/fjh/article/view/254. Acesso em: 22 abr. 2021.

BRASIL. Lei nº 11.154, de 29 de julho de 2005. Dispõe sobre a transformação da Escola de Farmácia e Odontologia de Alfenas – Centro Universitário Federal – EFOA/CEUFE em Universidade Federal de Alfenas – UNIFAL-MG. Diário Oficial da União, Brasília, 8 ago. 2005. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/lei/L11154.htm. Acesso em: 4 abr. 2021.

BRITO E SILVA, A. L. et al. Importância da extensão universitária na formação profissional: projeto Canudos. Revista de Enfermagem UFPE, Teresina, v. 13, out. 2019. Doi: 10.5205/1981-8963.2019.242189. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/view/242189. Acesso em: 30 mar. 2021.

CANON, C. A. S.; PELEGRINELLI, G. Extensão universitária: o impacto de um projeto de extensão na formação profissional dos discentes na educação superior. Revista UFG, Goiânia, v. 19, p. 1-15, 2019. Doi: 10.5216/revufg.v19.59799. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/revistaufg/article/view/59799. Acesso em: 30 mar. 2021.

CARDOSO, M. C. et al. Utilização das redes sociais em projeto de extensão universitária em saúde durante a pandemia de covid-19. Expressa Extensão, Pelotas, v. 26, n. 1, p. 551-558, jan./abr. 2021. Doi: 10.15210/ee.v26i1.19640. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/expressaextensao/article/view/19640. Acesso em: 17 maio 2021.

D’ÁVILA, C. M. Didática lúdica: saberes pedagógicos e ludicidade no contexto da educação superior. Entreideias, Salvador, v. 3, n. 2, p. 87-100, jul./dez. 2014. Doi: 10.9771/2317-1219rf.v3i2.9164. Disponível em: https://periodicos.ufba.br/index.php/entreideias/article/view/9164/8968. Acesso em: 17 maio 2021.

DOUTORES DA ALEGRIA. Sobre Doutores. Disponível em: https://doutoresdaalegria.org.br/conheca/sobre-doutores/?gclid=CjwKCAjwu5CDBhB9EiwA0w6sLUEpF3gRYbciFY-CsqFoBATXPgdZBOEXOdhNNhqN2IOmdPmkZ8k_ZhoC5g4QAvD_BwE. Acesso em: 30 mar. 2021.

FERREIRA, J. D. de O. et al. Estratégias de humanização da assistência no ambiente hospitalar: uma revisão integrativa. Ciência Plural, Natal, v. 7, n. 1, p. 147-163, jan. 2021. Doi: 10.21680/2446-7286.2021v7n1ID23011. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/rcp/article/view/23011. Acesso em: 6 abr. 2021.

FORPROEX - Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Instituições Públicas de Educação Superior Brasileiras. Política Nacional de Extensão Universitária. Manaus: FORPROEX, 2012. Disponível em: https://proex.ufsc.br/files/2016/04/Pol%C3%ADtica-Nacional-de-Extens%C3%A3o-Universit%C3%A1ria-e-book.pdf. Acesso em: 30 mar. 2021.

HERNÁNDEZ, Y. N.; PACHECO, J. A. C.; LARREYNAGA, M. R. La teoría Déficit de autocuidado: Dorothea Elizabeth Orem. Gac Méd Espirit, Sancti Spíritus, v. 19, n. 3, p. 89-100, set. 2017. Disponível em: http://scielo.sld.cu/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1608-89212017000300009. Acesso em: 22 abr. 2021.

HORST, V. S. B.; ORZECHOWSKI, S. T. O desafio e potencialidade da interdisciplinaridade no atendimento à saúde. Laplage em Revista, São Carlos, v. 3, n. 1, p. 192-201, abr. 2017. Doi: 10.24115/S2446-6220201731230p.192-201. Disponível em: https://laplageemrevista.editorialaar.com/index.php/lpg1/article/view/295. Acesso em: 22 abr. 2021.

LACERDA, A. L de et al. A importância dos eventos científicos na formação acadêmica: estudantes de biblioteconomia. Revista ACB, Florianópolis, v. 13, n. 1, p. 130-144, mar. 2008. Disponível em: https://revistaacb.emnuvens.com.br/racb/article/view/553. Acesso em: 17 maio 2021.

MANCHUR, J; SURIANI, A. L.; CUNHA, M. C. A. A contribuição de projetos de extensão na formação profissional de graduandos de licenciaturas. Conexão UEPG, Ponta Grossa, v. 9, n. 2, p. 334-341, jul/dez. 2013. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/5141/514151730016.pdf. Acesso em: 22 abr. 2021.

MATOS, M. L. Terapia Comunitária Integrativa e seu significado na vida de discentes: um encontro de experiências. 2016. 63 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) – Centro de Educação em Saúde, Universidade Federal de Campina Grande, Cuité/PB, 2016.

MORALES, A. Y. X.; CHAVAC, M. I. C. El autocuidado emocional en la educación superior. Revista Científica Internacional, Guatemala, v. 3, n. 1, p. 59-65, ago. 2020. Doi: 10.46734/revcientifica.v3i1.19. Disponível em: https://revista-cientifica-internacional.org/index.php/revista/article/view/19. Acesso em 22 abr. 2021.

MOTA, G. M. et al. A percepção dos estudantes de graduação sobre a atuação do “doutor palhaço” em um hospital universitário. Rev Bras Promoç Saúde, Fortaleza, v. 25, n. 2, p. 25-32, abr./jun., 2012. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/408/40823252006.pdf. Acesso em: 17 maio 2021.

OREM, D. E. Nursing: concepts of practice. 4th. ed. St Louis (USA): Mosby Year Book Inc., 1991.

RIBEIRO, M. R. F.; PONTES, V. M. de A.; SILVA, E. A. A contribuição da extensão universitária na formação acadêmica: desafios e perspectivas. Conexão UEPG, Ponta Grossa, v. 13, n. 1, p. 52-54, jan./abr. 2017. Doi: 10.5212/Rev.Conexao.v.13.i1.0004. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/conexao/article/view/9097. Acesso em: 23 abr. 2021.

ROCHA, C. R. et al. A utilização das redes sociais como estratégia para continuidade da extensão universitária em tempos de pandemia. Raízes e Rumos, Rio de Janeiro, v. 8, n. 1, p. 261-269, jan./jun. 2020. Disponível em: http://www.seer.unirio.br/raizeserumos/article/view/10288. Acesso em: 17 maio 2021.

RODRIGUES, J. C.; SIMÕES, R. M. R.; PRODOCIMO, E. O lúdico no ambiente da classe hospitalar: um estudo de revisão. REFACS, Uberaba, v. 7, n. 3, p. 390-400, jul./set. 2019. Doi: 10.18554/refacs.v7i3.3336. Disponível em: http://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/refacs/article/view/3336. Acesso em: 30 mar. 2021.

SALGADO, I. Extensão universitária: suspensão de atividades de programas, projetos, cursos e eventos. 2020. Disponível em: https://www.unifal-mg.edu.br/portal/2020/03/17/nota-da-pro-reitoria-de-extensao-a-comunidade-academica/. Acesso em: 4 abr. 2021.

SALGADO, I. Nota à comunidade acadêmica: UNIFAL-MG suspende aulas presenciais a partir do dia 18 de março. 2020. Disponível em: https://www.unifal-mg.edu.br/portal/2020/03/16/nota-a-comunidade-academica-unifal-mg-suspende-aulas-presenciais-a-partir-do-dia-18-de-marco/. Acesso em: 4 abr. 2021.

SILVA, K. P. S. da et al. Autocuidado à luz da teoria de Dorothea Orem: panorama da produção científica brasileira. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 7, n. 4, p. 34043-34060, 3 abr. 2021. Doi: 10.34117/bjdv7n3-047. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/27562. Acesso em: 28 jul. 2021.

Downloads

Publicado

2021-10-29

Como Citar

TAVARES, T. R.; FERREIRA, A. C. G.; TERRA, F. de S.; RESCK, Z. M. R. Ludicidade no ambiente hospitalar por meio de atividade extensionista desenvolvida na Universidade Federal de Alfenas: relato de experiência. Revista Em Extensão, [S. l.], p. 83–97, 2021. DOI: 10.14393/REE-v0n00-61414. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revextensao/article/view/61414. Acesso em: 19 maio. 2022.