O planejamento financeiro familiar como estratégia de empoderamento de uma comunidade economicamente vulnerável

Autores

  • Denilson Carrijo Ferreira Universidade Federal de Uberlândia
  • Peterson Elizandro Gandolfi Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v17n12018-rel01

Palavras-chave:

Planejamento financeiro familiar, Extensão, Comunidade vulnerável, Educação popular

Resumo

O programa Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Território (DIST) é uma experiência do Fundo Socioambiental do Banco Caixa Econômica Federal realizada no território brasileiro, que tem por objetivo promover o desenvolvimento integrado e sustentável do território e dos sujeitos que o compõem. São famílias em situação de vulnerabilidade social, de baixa renda, baixa escolaridade, além do grande número de pessoas com deficiência. Ideologicamente, todo o projeto foi realizado a partir do processo de dialogicidade no âmbito coletivo, participativo e democrático. Durante a implementação da oficina, novos temas emergiram e verificamos a importância de se fazer o aprofundamento e desenvolvimento em finanças de médio e longo prazo. Após a realização da oficina, fizemos uma avaliação com os participantes e, posteriormente, avaliamos algumas possíveis mudanças e transformações na vida da comunidade a partir do projeto. Os resultados apontam para um processo duplo de aprendizado e transformação entre a comunidade e a universidade. A dinâmica da atividade, com participação ativa dos moradores, fez com que o empoderamento gerado pudesse ser replicado tanto em suas famílias, quanto nos grupos sociais dos quais participam. Os moradores não saíram apenas informados, mas tornaram-se formadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Denilson Carrijo Ferreira, Universidade Federal de Uberlândia

Graduando em Administração na Universidade Federal de Uberlândia, Minas Gerais, Brasil

Peterson Elizandro Gandolfi, Universidade Federal de Uberlândia

Doutor em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, Brasil; professor assistente da Faculdade de Gestão e Negócios da Universidade Federal de Uberlândia , Minas Gerais.

Referências

FORPROEX – Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Universidades Públicas Brasileiras. Política Nacional de Extensão Universitária. 2012. Disponível em: <http://proex.ufsc.br/ files/2016/04/Pol%C3%ADtica-Nacional-de-Extens%C3%A3o- Universit%C3%A1ria-e-book.pdf>. Acesso em: 10 fev. 2017.

GITMAN, L. J. Princípios de administração financeira. 7. ed. São Paulo: Harbra, 1997. 775 p.

GÜNTHER, M. Planejamento das finanças pessoais: benefícios e influências na qualidade de vida. 2008. 53 p. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação Ciências Econômicas e Desenvolvimento Regional) – Universidade para o Desenvolvimento do Alto Vale do Itajaí, Rio do Sul, 2008.

Downloads

Publicado

2018-08-09

Como Citar

FERREIRA, D. C. .; GANDOLFI, P. E. O planejamento financeiro familiar como estratégia de empoderamento de uma comunidade economicamente vulnerável. Revista Em Extensão, [S. l.], v. 17, n. 1, p. 93–104, 2018. DOI: 10.14393/REE-v17n12018-rel01. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revextensao/article/view/40750. Acesso em: 14 ago. 2022.

Edição

Seção

Relatos de Experiência

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)