Chamada para artigos

2020-03-11

Dossiê: Teoria(s) queer/ transviadas: gênero, sexualidade e política

Organização: 

  • Profa. Dra. Carla Miucci Ferraresi de Barros (INHIS/UFU)
  • Prof.   Dr. Marcio Ferreira de Souza (INCIS/UFU)
  • Mestre Fabricio Marçal Vilela (INHIS/UFU)
  • Doutorando Daniel Henrique (PROPED/UERJ)

Em atenção às novas temáticas e perspectivas teóricas apresentadas no campo dos estudos de gênero e sexualidades, a revista Caderno Espaço Feminino vem ampliando seu escopo e abrindo espaço para tais reflexões. Cabe ressaltar que o periódico possui dois artigos sob a perspectiva do presente dossiê, sendo elas: La Teoria Queer: la de-construcción de las sexualidades periféricas, de autoria de Carlos Fonseca Hernández, da Universidad Nacional Autónoma de México na edição de 2008(vol. 20, n. 2) e o artigo Educação e teoria queer: contestando os efeitos naturalizados do instituído de autoria de Dilton Ribeiro Couto Junior, no dossiê Gênero e Políticas Educacionais no Brasil (v. 28 n. 1 (2015)).

O intuito deste dossiê é reunir publicações que resultem de pesquisas teóricas e/ou empíricas que objetivam reflexões sobre os campos de construção dos saberes e poderes acerca dos (trans)gêneros e das (trans)sexualidades e dialoguem com as perspectivas teóricas dos estudos queer, em suas mais diversas abordagens, especialmente as que tratam dos estudos do pós-pornô, das masculinidades, dos corpos trans e travestis, sob perspectivas que considerem a interseccionalidade de marcadores sociais da diferença como raça, região, geração, religião e classe.

Nesse sentido, o dossiê visa congregar reflexões críticas acerca da constituição de espaços, discursos, linguagens e todo o aparato constituinte das tecnologias sociais cisheteronormativas - que engendram as performatividades de gênero e normatizam as sexualidades -, mas também aquelas que se voltam para os campos de ação das práticas contrasexuais, dos desvios, das rupturas, das subversões e resistências, e que identificam as práticas de insurgência da resistência micropolítica de dissidentes de gênero frente ao atual governo fascista no Brasil.

Período de submissões:  01 de julho à 31 de outubro

Previsão de publicação: 1º. Semestre 2023 (fevereiro/março)

As normas de redação podem ser consultadas em:

http://www.seer.ufu.br/index.php/neguem/about/submissions#authorGuidelines